Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

11 Março de 2020 | 15h38 - Actualizado em 11 Março de 2020 | 15h38

Sete crianças morrem por sarampo em Cabinda

Cabinda - Sete crianças morreram de Janeiro a Fevereiro deste ano devido ao surto de sarampo que atinge a periferia da cidade de Cabinda, avançou, nesta quarta-feira, a supervisora provincial de promoção para a saúde da Secretaria Provincial da Saúde, Juliana Wini.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à ANGOP, Juliana Wini disse que durante o período em referência foram registados 147 casos de crianças com sarampo nas faixas etárias entre 0 aos 15 meses no Hospital Provincial de Cabinda.

Juliana Wini aponta como causas do aumento dos números o facto de muitas mães não cumprirem com as orientações das medidas preventivas.

Avançou que as unidades sanitárias têm vacinas contra o sarampo.

Por seu lado, o supervisor provincial de vigilância epidemiológica da Secretaria Provincial da Saúde em Cabinda, Domingos Casimiro, disse que a maioria das crianças com a doença é de bairros da periferia da cidade.

Para conter o surto foram lançadas equipas avançadas e móveis para a sensibilização das famílias na periferia para que levam as crianças as unidades sanitárias a fim de serem vacinadas.

Os bairros Liombo, 1 de Maio, 4 de Fevereiro e Tchiweca são os mais afectados.

Assuntos Província » Cabinda  

Leia também