Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

27 Março de 2020 | 01h38 - Actualizado em 27 Março de 2020 | 02h00

COVID-19: INADEC denuncia especulação de preço do Sabão Azul

Ondjiva - O preço da caixa de quatro barras de sabão, de cor azul, nos estabelecimentos comercias de Ondjiva, província do Cunene, passou nos últimos dias a ser vendido ao valor de 4.400 Kwanzas, contra os anteriores 3.900 Kwanzas, fruto da procura dos cidadãos ávidos em cumprir com as regras de prevenção do novo coronavírus (COVID-19).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Dístico do COVID-19, novo Coronavírus

Foto: Divulgação

A informação foi avançada na quinta-feira, à ANGOP, pelo director do Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC) no Cunene, Bernardo Hilundilwa, referindo que a subida dos preços não devem ser arbitrárias, sob pena de estar a especular os preços.

Explicou que esta situação poderá ocorrer com outros produtos da cesta básica, pelo que o INADEC está, desde segunda-feira última, a cumprir com um programa de sensibilização nos mercados paralelos e em estabelecimentos comercias de Ondjiva para acautelar as contínuas pretensões de especulação dos preços.

Bernardo Hilundilwa fez saber que esse trabalho realiza-se em coordenação com outras instituições de inspecção afecta ao Governo local em benefício das famílias.

 Informou também que estão igualmente a sensibilizar os comerciantes sobre a observância das medidas de prevenção do coronavírus, como a lavagem das mãos, higiene no local de vendas, uso de luvas e mascaras, para evitar a propagação da doença.

 Cunene conta com 785 estabelecimentos comerciais, entre grossistas, retalhistas.

 O Covid-19 é uma pneumonia que emergiu na cidade chinesa de Wuhan, em Dezembro, causada por um novo Coronavírus. O Covid-2019 tem sido comparado à epidemia global da síndrome respiratória aguda (SARS, na sigla em inglês), que aconteceu em 2002 e 2003.

 Angola já dispõe de quatro casos positivos do novo coronavírus, registados em Luanda.

 A RDC, Côte d'Ivoire, Camarões, Senegal, Togo, Egipto, Tunísia, Argélia, Marrocos, Burkina Faso, Nigéria, África do Sul e Namíbia fazem parte do conjunto de países africanos afectados pela pandemia

Assuntos Província » Cunene  

Leia também
  • 27/03/2020 01:31:50

    COVID-19: Aumenta número de cidadãos em quarentena no Cunene

    Ondjiva - O número de cidadãos que se encontram a cumprir quarentena em Ondjiva, província do Cunene, aumentou nas últimas 24 horas, de quatro para 79 indivíduos, provenientes de Portugal, da República da Namíbia e África do Sul, no âmbito da prevenção da infecção por Coronavírus (COVID -19).

  • 25/03/2020 09:32:11

    COVID-19: Síntese nacional

    Luanda - Angola continua apenas com três casos positivos do novo Coronavírus (Covid-19) registados até domingo, sendo que as análises das 169 amostras, até então em processamento no laboratório de investigação de saúde, apresentaram resultados negativos.

  • 25/03/2020 01:09:13

    COVID -19: Quatro cidadãos em quarentena domiciliar no Cunene

    Ondjiva - Quatro cidadãos, provenientes de Portugal e da República da Namíbia, nos últimos sete dias, encontram-se a cumprir quarentena domiciliar em Ondjiva, província do Cunene, no âmbito da prevenção da infecção por Coronavírus (COVID -19).