Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

29 Março de 2020 | 16h35 - Actualizado em 29 Março de 2020 | 16h49

Covid-19: Cidadãos do Moxico retidos no Bié recebem ajuda do Governo

Cuito - Cento e vinte cidadãos da província do Moxico, retidos há quatro dias na comuna do Cunje, a sete quilómetros do Cuito, capital biena, começam a ser assistidos com bens de primeira necessidade, água potável e outros.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Essa informação foi prestada à imprensa pelo governador Pereira Alfredo, após ter visitado os cidadãos que pretendiam deslocar-se para o Moxico e estando retidos na Estação do Caminho de Ferro do Cunje (Cuito), em função do Estado de Emergência  em vigor desde às zero horas do dia 27 deste mês no país.

Pereira Alfredo assegurou que os cidadãos, entre os quais oito crianças, seis idosos, 38 mulheres e 73 homens, vão beneficiar igualmente de assistência médica e de outros equipamentos de biossegurança.

Para tal, o governador recomendou a Administração Municipal do Cuito e a Direcção da Acção Social, Família e Igualdade do Género a transferirem os idosos ao lar da terceira idade  e as crianças e mulheres para outros locais.

Pereira Alfredo asseverou estar,  igualmente, disponível uma escola na comuna do Cunje para facilitar os cidadãos que pretenderem passar às noites sem constrangimentos, tendo em vista o distanciamento que se exige do COVID-19.

Entretanto, Zito Augusto, que falava em nome nome dos demais, enalteceu o gesto de solidariedade das autoridades locais para minimizar as dificuldades que enfrentam.

Assuntos Província » Bié   Saúde  

Leia também