Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

31 Março de 2020 | 16h59 - Actualizado em 31 Março de 2020 | 17h06

Covid-19: Empresa de águas mobiliza 17 camiões cisterna

Lubango - Dezassete camiões cisternas foram mobilizadas pela Empresa Provincial de Águas e Saneamento da província da Huíla para garantir o fornecimento de água aos centros de quarentena e similares, no âmbito do plano de contingência para prevenção da COVID-19.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Huíla: Pormenor da cidade do Lubango à noite

Foto: Foto cedida

Trata-se de quatro camiões de empresas públicas e 13 de instituições privadas. 

Em declarações à ANGOP, a presidente do Conselho de Administração da instituição pública, Domingas Tchicusse, afirmou que os camiões estão a levar água a consumidores de zonas onde o produto não chega no sistema canalizado.

 A empresa está a bombear 21 metros cúbicos para abastecer 28 bairros, apoiados por 281 pontos de água construídos no Programa de Combate à Pobreza e do desenvolvimento do sector das águas denominado “Pedisa2”.

Admitiu que a quantidade de produção da água a partir da nascente não é suficiente, sendo necessários 45 metros cúbicos por dia.

Para esta fase foram reforçadas as equipas de piquete que funcionam 24 horas para atender os camiões cisternas, com uma área comercial e um balcão aberto para eventuais reclamações.

O Lubango conta, actualmente, com 25 mil ligações domiciliares, 22 por cento das ligações feitas e cinco reservatórios de água cada, com capacidade de quatro mil e 600 metros cúbicos.

 Com uma superfície territorial de três mil e 140 quilómetros quadrados, a cidade do Lubango tem uma população estimada em 903564 habitantes.

Assuntos Província » Huíla   Saúde  

Leia também