Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

08 Abril de 2020 | 19h48 - Actualizado em 08 Abril de 2020 | 19h48

COVID-19: Administração do Cuilo reforça Hospital Municipal

Dundo - A administração municipal do Cuilo reforçou hoje, quarta-feira, o Hospital Municipal local com fármacos diversos e alimentação, para evitar a prescrição de receitas e visitas de familiares de pacientes na unidade sanitária, no âmbito das medidas de prevenção e contenção do novo Coronavírus (COVID-19).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A administração reforçou igualmente o stok de produtos de higiene e material de biossegurança.

A administradora municipal do Cuilo, Maria Ngambo, disse que acção visa restringir, ao máximo, a visita de familiares que justificam a recepção de receitas para aquisição de fármacos nas farmácias para os pacientes.

Comissão avalia medidas de prevenção


A comissão multissectorial de resposta ao COVID-19 esteve no município de Cambulo para avaliar as condições de segurança na fronteira com a República Democrática do Congo (RDC),

nas instituições públicas, hospitais e locais com aglomerado populacional (mercados, bancos, entre outros).

Durante a visita de constatação, a comissão liderada por Ernesto Muangala inteirou-se sobre o ponto de situação da distribuição de água potável nas comunidades e do stock de medicamentos nos hospitais para fazer face às necessidades dos pacientes.

No município de Cambulo, cinco camiões cisternas, para além do Sistema de Captação, Tratamento e Distribuição de Água, distribuem, gratuitamente, água potável à população.

Relativamente as medidas de segurança da fronteira, a comissão recomendou o reforço de efectivos para se evitar qualquer tentativa de violação por parte dos cidadãos da RDC.

Na Lunda Norte, 13 cidadãos encontram-se em quarentena, dos quais  11 domiciliar e dois institucionais.

Leia também
  • 07/04/2020 02:10:57

    Covid-19: Polícia trava entrada em Angola de 36 cidadãos da RDC

    Dundo - Trinta e seis cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) que tentavam entrar em Angola foram impedidos, nesta segunda-feira, pela Polícia de Guarda Fronteira na Lunda Norte, no âmbito das medidas preventivas contra a circulação comunitária da Covid-19.

  • 06/04/2020 18:31:51

    Covid-19: Mais de 30 cidadãos livres da quarentena na Lunda Norte

    Dundo - Trinta e um cidadãos provenientes da África do Sul, Brasil, Ucrânia e Portugal foram liberados da quarentena domiciliar e institucional pelas autoridades sanitárias na Lunda Norte, por não apresentarem sintomas compatíveis com o novo Coronavírus (Covid-19).

  • 06/04/2020 17:21:03

    COVID-19: Moradores querem suspensão de elevadores no Dundo

    Dundo - As comissões de moradores da Centralidade do Mussengue, na Lunda Norte, sugeriram a administração local, a suspender, enquanto durar o Estado de Emergência, os elevadores, no âmbito das medidas de prevenção e contenção da proliferação do novo Coronavírus (Covid-19).