Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

08 Maio de 2012 | 23h22 - Actualizado em 08 Maio de 2012 | 23h22

Grupo Opaia inaugura empresa de energias renováveis

Angola

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda – O grupo de direito angolano Opaia inaugurou hoje, terça-feira, em Luanda, as instalações da sua filial denominada Green Power, vocacionada para a exposição e produção de soluções multitecnológicas de energia solar.

A empresa é ainda especializada na distribuição, desenvolvimento, implementação e manutenção de sistemas energias renováveis, mais especificamente a energia solar.

  

Ao falar à imprensa, no acto da inauguração, o presidente do grupo, Agostinho Kapaia, frisou que um dos principais objectivos da criação da empresa é ajudar o Executivo no seu esforço de combate à pobreza e desenvolvimento do país.

Disse que, a produção energética a partir de fontes renováveis são uma oportunidade de levar à população e instituições, públicas e privadas, uma alternativa viável, segura e limpa de energia eléctrica.

Um sistema foto voltaico, explicou, capta energia contida na radiação solar e converte-a em electricidade que pode ser utilizada em casas, empresas, escolas, hospitais e vias públicas.

“Só os países que conseguem combinar o crescimento económico com desenvolvimento social podem se considerar Estados com olhos postos no futuro e Angola é certamente um desses países, por isso a Green Power pretende liderar esta transformação energética”, argumentou.

Participaram do evento, cuja cerimónia da inauguração foi orientada pelo secretário de Estado da Energia, Joaquim Ventura, responsáveis dos ministérios da Energia e Águas e do Ambiente, representantes da Administração municipal de Viana, local que acolheu o certame, e técnicos ligados ao sector das energias renováveis.