Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

02 Novembro de 2013 | 07h00 - Actualizado em 02 Novembro de 2013 | 03h27

Infra-estruturas ferroviárias representam melhorias da qualidade de vidas das populações

Menongue - As infra-estruturas ferroviárias construídas desde 2009, no âmbito da modernização e reabilitação dos Caminhos de Ferro-de- Moçâmedes (CFM) vão trazer melhorias na transportação de pessoas e mercadorias, visando impulsionar a economia do país, afirmou sexta-feira, no Kuando Kubango, o ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O governante fez essa afirmação no final da inauguração de dez estações ferroviárias, sendo seis da província da Huíla e quatro pertencentes a província do Kuando Kubango.

Segundo o ministro, com os referidos empreendimentos as províncias da Huíla e do Kuando Kubango estarão mais fortalecidas e com maior capacidade de transportação de mercadorias e pessoas.

Destacou que haverá maior redução de assimetrias entre o campo e a cidade, pois haverá maior fluxo de pessoas, meios materiais e financeiros.

Disse que tal iniciativa resulta de um pensamento estratégico do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, que agilizou o programa de reestruturação, reabilitação e modernização dos Caminhos-de-Ferro de Angola nas suas várias fases.

Augusto Tomas frisou a necessidade de se treinar, formar quadros e criar condições sociais básicas de recursos humanos, de modo a criar factores que concorrem para o amento da qualidade e prestação de bons serviços aos utentes.

O projecto de reabilitação dos Caminhos de Ferro de Moçâmedes (CFM) orçou em mais de três biliões de dólares.  

Leia também
  • 31/10/2018 13:59:15

    Recuperados 102 dependentes de álcool em dois anos

    Menongue - Cento e duas pessoas dependentes de álcool foram recuperadas pela ONG Centro Cruz Azul, situado no bairro Cazenga, arredores da cidade de Menongue, capital do Cuando Cubango, de 2016 até a data presente.

  • 30/10/2018 22:51:22

    OMA doa bens ao hospital sanatório

    Menongue - Um lote de produto alimentar (fuba e leite) e jogos de lençóis foram entregues esta terça-feira, pelo secretariado da OMA no Cuando Cubango, ao Hospital Sanatório de Menongue e ao Centro Cruz Azul, visando minimizar a situação dos internados nestas instituições.

  • 30/10/2018 00:46:52

    Pastor condena uso de drogas

    Menongue - Os jovens devem abster-se do consumo de droga, do excesso de bebidas alcoólicas e outras práticas que perigam o futuro, recomendou o pastor da Igreja Evangélica Sinodal de Angola (IESA) no Cuando Cubango, Laureano Calvino Cacupa.

  • 29/10/2018 23:01:17

    Província do Cuando Cubango regista quatro incêndios

    Menongue - Quatro incêndios, com danos avaliados em 170 mil kwanzas, foram registados na última semana pelo Serviço de Protecção Civil e Bombeiros do Cuando Cubango.