Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

27 Março de 2013 | 12h20 - Actualizado em 27 Março de 2013 | 12h20

Bastonário diz que Angola necessita de seis mil psicólogos escolares

Benguela

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Benguela – O bastonário da Ordem dos Psicólogos de Angola, Carlinhos Zassala, reconheceu, em Benguela, que o país necessita de pelo menos seis mil psicólogos escolares para o acompanhamento dos alunos com dificuldades de assimilação.

Em declarações à Angop, o bastonário afirmou que apesar de haver 21 cursos de psicologia, os alunos com dificuldades de aprendizagem não estão a ter o acompanhamento necessário por falta de psicólogos nas unidades escolares.

Sublinhou que os especialistas em causa teriam a missão de acompanhar os discentes com problemas, como forma de ajuda-los a ultrapassar determinadas situações que coloquem em causa o processo de ensino e aprendizagem.

“Devido aos problemas que, por diversas vezes, surgem nos lares, há alunos com dificuldades de adaptação ao ambiente escolar, precisando por isso da intervenção da psicologia clínica”, reforçou.

Adiantou que Angola deve apostar na interligação das áreas da psicologia, com a introdução de psicólogos escolares, à semelhança do que já existe na Europa e nos Estados Unidos da América.

Acrescentou que a ordem terá de trabalhar empenhada para pôr termo a escassez de psicólogos educacionais no país, por ser inquestionável que a base de qualquer sistema de educação seja o ensino primário, onde ainda se verificam altos índices de reprovações, desistências e repetições, dadas as dificuldades de aprendizagem dos alunos, adaptação ao ambiente escolar e fraca interacção com os professores.

Insistindo no argumento de que o país necessita de assegurar a organização na área educacional, Carlinhos Zassala sustentou que o psicólogo escolar integra a equipa que contém a participação médica, social e pedagógica, componentes imprescindíveis para um aproveitamento razoável do aluno, por corrigirem deficiências detectadas no processo de aprendizagem.

Para o responsável, a importância da psicologia escolar reside no facto de abrir, depois, o caminho para as outras áreas de formação profissional tanto no próprio campo da psicologia como em outras áreas sociais e humanas.

Explicou que os grandes problemas identificados pela ordem a nível nacional estão associados a formação, havendo neste momento no país 21 cursos de psicologia, 17 dos quais concentrados na I Região Académica, em Luanda.

“A preferência dos estudantes aponta para o curso de Psicologia Clínica, seguindo-se a Psicologia de Trabalho Organizacional, a Psicologia Criminal e a Psicologia Escolar, sendo esta última a que menos procura regista no mercado e é isso que tem de ser invertido, para isso é preciso investir na formação”, referiu.

Criada em 2010, a Ordem dos Psicólogos de Angola apresenta-se como a associação pública profissional representativa dos profissionais em psicologia que, em conformidade com os preceitos do seu Estatuto e as disposições legais aplicáveis, exercem a profissão de psicólogo.

Conta com 631 membros registados, na sua maioria, em Luanda, e é actualmente presidida pelo professor universitário Carlinhos Zassala.

Leia também
  • 06/02/2019 12:21:53

    Loja dos Registos gastava um milhão de kwanzas/mês em combustíveis

    Benguela - O serviço integrado de registos " Loja dos Registos", sedeado no município de Benguela, gastava mensalmente um milhão de kwanzas em combustíveis e manutenção do seu gerador, devido a falta de energia eléctrica da rede pública naquela instituição, desde a sua inauguração em 2014.

  • 05/02/2019 21:00:53

    Mais de 500 Jovens concluem cursos profissionais no Lobito

    Lobito - Acima de quinhentos jovens, com idades entre os vinte e trinta anos, concluíram hoje (terça-feira), no município do Lobito, em Benguela, vários cursos técnico-profissionais básicos, proporcionados pelo Centro de Formação JA Rubem.

  • 05/02/2019 12:34:14

    Irmãs gémeas morrem afogadas no rio Cuporolo

    Benguela - Irmãs gémeas de três anos de idade morreram afogadas neste fim-de-semana, no rio Cuporolo, comuna do Dombe Grande, município da Baía-Farta, onde se encontravam a brincar com outras crianças, soube hoje, terça-feira, a Angop.

  • 03/02/2019 22:46:34

    Pastores tocoistas debatem o papel da igreja nas autarquias locais

    Benguela - O papel da igreja na divulgação e consciencialização dos fiéis sobre o pacote legislativo das autarquias locais foi o tema central de um seminário dirigido a pastores da igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo no Mundo “Tocoistas”, que hoje terminou.