Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

15 Abril de 2014 | 21h17 - Actualizado em 15 Abril de 2014 | 21h16

Cuanza Norte: Aldeia de Ngongolo ganha nova escola e posto médico

Quiculungo - As populações da localidade de Ngongolo a 17 quilómetros da sede do município de Quiculungo, província do Cuanza Norte, ganharam hoje, terça-feira, um novo posto médico e uma escola do ensino primário, inaugurados pelo administrador municipal, João António Gaspar.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A construção destas infra-estruturas, executadas durante seis meses, consta do programa municipal integrado de combate a fome e a pobreza, tendo orçado à administração local 34 milhões de kwanzas.

O posto médico ora inaugurado conta com salas de observação, parto, pós-parto, balneário e uma residência para os enfermeiros.

A unidade escolar tem quatro salas de aula com a capacidade para 40 alunos cada.

Ao intervir no acto inaugural, o administrador municipal de Quiculungo disse que a construção dos referidos empreendimentos destina-se a melhorar a qualidade da assistência sanitária prestada às populações da aldeia do Ngongolo e outras circunvizinhas e garantir melhores condições de ensino para as crianças que são consideradas o futuro e que estudavam em escola construída com material precário.

João Gaspar assegurou que está prevista a recuperação e ampliação do sistema de água potável da localidade e apelou aos aldeões a conservarem os empreendimentos ora inaugurados de modo a garantir que os mesmos cumpram com os objectivos que motivaram a sua construção.

Com uma população estimada em 12 mil e 108 habitantes, o município de Quiculungo tem uma extensão territorial de 475 quilómetros quadrados, a sede dista 138 quilómetros de Ndalatando, capital da província do Cuanza Norte.

Leia também
  • 19/11/2018 16:09:39

    Acidentes de viação continuam a causar mortes no país

    Luanda - Os acidentes de viação continuam a ser uma das principais causas de mortes em Angola, tendo no período de 2011 a 2017, 26 mil pessoas perdido a vida nas estradas do país, enquanto que 100 mil outras ficaram feridas no mesmo espaço de tempo.

  • 19/11/2018 15:59:36

    ENDE alarga rede de distribuição de energia a periferia

    Saurimo - Quatrocentas famílias no bairro Candembe, município de Saurimo (Lunda Sul), já beneficiam de energia eléctrica da rede pública, com a entrada em funcionamento, neste fim-de-semana, de um Posto de Transformação (PT) com capacidade de 630 (KVA).

  • 19/11/2018 15:54:02

    Mulheres juristas em Portugal no XXIII Congresso da Federação Internacional

    Luanda - Uma delegação da Associação Angolana de Mulheres das Carreiras Jurídicas, vai participar de 20 até 22 de Novembro, em Lisboa, Portugal, no XXIII Congresso da Federação Internacional de Mulheres de Carreiras Jurídicas.

  • 19/11/2018 12:38:24

    Pessoas com deficiência auguram prática da lei

    Luanda - A abordagem em torno da legislação angolana em relação à pessoa com deficiência é muito boa, mas peca na sua implementação, disse hoje, segunda-feira, em Luanda, o director nacional de Inclusão da Pessoa com Deficiência, Augusto Cardoso.