Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

27 Novembro de 2016 | 15h20 - Actualizado em 27 Novembro de 2016 | 15h19

Angola: GPL eleva bairro Ngola Kiluanje a categoria de distrito urbano

Luanda - O bairro Ngola Kiluanje, sito no distrito urbano do Sambizanga, em Luanda, passa a partir desta segunda-feira, (28 de Novembro) a categoria de distrito urbano, anunciou hoje (domingo) o governador provincial, Higino Carneiro.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Bairro Ngola Kiluanje elevado a categoria de distrito urbano

Foto: Assis Quituta

O pronunciamento do governador foi feito durante um culto em que participou, no âmbito da proximidade entre clero e governo, na Igreja Evangélica de Angola paróquia “A Nova Jerusalém”, no bairro Ngola Kiluanje.

De acordo com o governador, está a ser vista a estrutura governativa para dirigir o novo distrito urbano para estar mais próxima do cidadão e resolver os problemas que os aflige como a melhoria das vias de acesso, abastecimento de água e energia eléctrica.

Durante o culto, o pastor paroquial da “A Nova Jerusalém”, Luis Nguimbi apresentou ao governador algumas preocupações relativas a legalização do espaço em que se pretende construir o templo da Igreja Evangélica de Angola, um instituto médio e um posto de saúde.  

Em resposta, o governador disse não haver dificuldades em legalizar o espaço e prometeu apoiar para construção definitiva e apetrechamento do templo, do instituto e do centro de saúde.

“Os documentos foram já enviados e não tenho dificuldade alguma para do ponto de vista institucional deferirmos a contento. A sua demora deve-se apenas com aspectos relativos a requalificação do Sambizanga em curso, sendo necessário olhar para o Plano Director Metropolitano de Luanda para se evitar que haja colisão nas infra-estruturas”, esclareceu.

Segundo o governador, o crescimento populacional vertiginoso que Luanda conheceu impediu um acompanhamento igual em termos de infra-estruturas sociais, que têm sido erguidas de forma paulatina para o bem-estar da população.

Apelou aos jovens a pautarem por formações técnicas e profissionais, garantido maior facilidade de emprego e melhor remuneração.

Após o seu empossamento ao cargo de governador, Higino Carneiro manifestou o desejo de trabalhar estritamente com as igrejas, sendo a Igreja Evangélica de Angola a primeira visitada.

A Igreja Evangélica de Angola existe há 130 anos em Angola. 

Leia também
  • 11/11/2018 04:35:37

    Grande reportagem " Andar Luanda " produziu mais de duzentas notícias

    Luanda - Duzentos e trinta e seis materiais noticiosas foram produzidas em quatro dias pelos jornalistas, que integraram o projecto jornalístico grande reportagem " Andar Luanda ", promovido pela emissora radiofónica privada LAC.

  • 08/11/2018 17:46:00

    Responsável sugere cooperativas numa única entidade

    Ndalatando - A necessidade da criação de uma única entidade que congregue todos os ramos do cooperativismo para melhor organização e defesa dos seus direitos foi defendida, hoje (quinta-feira), em Ndalatando, Cuanza Norte, pela vice-presidente da Federação das Associações de Camponeses e Cooperativas Agropecuárias de Angola (Unaca), Ricardina Machado.

  • 08/11/2018 17:31:48

    APROSOC facilita registo de 400 menores de cinco anos

    Luena - Quatrocentas menores vulneráveis, de cinco anos de idade, da comuna do Lucusse, província do Moxico, beneficiaram, de Julho até a presente data, de registo de nascimento gratuito e vacinas contra o tétano e a pólio, no âmbito do Projecto de Apoio à Protecção Social (APROSOC).

  • 08/11/2018 17:24:09

    Anciã morre por Descarga atmosférica no Cuvango

    Cuvango - Uma anciã de 75 anos de idade morreu, quarta-feira, vítima de descarga atmosférica, no município do Cuvango, província da Huíla, informou hoje, quinta-feira, no Lubango, o porta-voz do Comando Provincial dos Serviços de Protecção Civil e Bombeiro, Inocêncio Hungulo.