Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

06 Outubro de 2017 | 14h29 - Actualizado em 06 Outubro de 2017 | 18h22

Angola: Conselho da Sociedade Civil apoia iniciativas do Governo

Luanda - O Conselho Nacional da Sociedade Civil (CNSC) pretende apoiar o governo angolano na implementação dos distintos programas, incluindo os ligados ao sector, informou hoje (sexta-feira), em Luanda, o seu presidente, Africano André Pedro.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Mesa de Presidium no Empossamento de Novos Membros do Conselho Nacional da Sociedade Civil

Foto: Gaspar dos Santos

O responsável falava na tomada de posse da direcção provincial do conselho de Luanda e respectivos municípios, tendo referido que pretendem realizar fóruns sobre educação sexual, no intuito de contribuir para a prevenção de doenças.

Disse que o conselho está a desenvolver programas sobre a sinistralidade e segurança rodoviária, em parceria com a Polícia Nacional, de modo a diminuir o índice de acidentes nas vias e preservar vidas humanas.

Africano Pedro falou ainda da contribuição do CNSC no desarmamento da população civil, que tem como objectivo consolidar a paz no quotidiano e evitar o cometimento de crimes com recursos a meios militares, mediante a recolha de armas de fogo e de outros artefactos em posse ilegal da população.

Aos empossados, Africano André Pedro recomendou “maior cooperação no exercício das tarefas, com a inserção no seio das comunidades”.

Por sua vez, a primeira secretária da Sociedade Civil na Província de Luanda, Marinela Francisco, prometeu resgatar os valores morais e éticos, bem como melhorar a qualidade de vida dos cidadãos.

Tomaram posse, para a primeira secretária de Luanda, Marinela Francisco, e para adjunto, Damião Moniz. Afra dos Santos é a responsável para Administração e Finanças, Almeida Henriques ocupa o cargo de Marketing e Informação, enquanto Mateus Manuel encarrega-se da área da Acção Social.

Benvinda Paulo foi empossada para ocupar-se da área da organização, Raimundo dos Santos, para Recreação e Desporto, Joaquina Pedro para Educação e Ensino, Almeida Lopes para Relações Públicas, e na coordenação, Sebastião Paulo.

Tito Marcos e Ruth Gomes são vogais, ao passo que Adriano Mendes de Carvalho e Bento Kangamba são conselheiros.

Assuntos Constatação   Sociedade  

Leia também
  • 06/10/2017 16:38:35

    Malanje: Estudantes doam bens alimentares ao lar de idosos

    Malanje - Bens alimentares diversos foram doados hoje(sexta-feria) , ao Lar de Terceira Idade do bairro Maxinde, por estudantes do curso de Geografia e História do Magistério "Comandante Cuidado", no âmbito do Dia Mundial do Idoso comemorado a 1 de Outubro,.

  • 06/10/2017 16:04:16

    Lunda Norte: Responsável quer coesão no seio das famílias

    Dundo - As famílias devem estar coesas, estabilizadas e cultivarem sã convivência em prol do desenvolvimento da sociedade, considerou hoje, sexta-feira, no Dundo (Lunda Norte), a chefe do Departamento Nacional de Informação e Sensibilização do Instituto Nacional da Criança (INAC), Elisa Gurgel.

  • 06/10/2017 15:27:32

    Malanje: Procissão de velas abre peregrinação ao Santuário de Pungo-Andongo

    Malanje - Uma procissão de velas, acompanhada da transportação da imagem da Nossa Senhora do Rosário, a partir do local onde se encontram as peugadas da Rainha Nginga Mbandi até ao Santuário de Pungo-Andongo, vai marcar hoje (sexta-feira) a noite a IV edição da peregrinação ao Santuário Pungo-Andongo, no município de Cacuso.

  • 06/10/2017 14:42:03

    Portugal: OMA aconselha mulheres contínuo investimento na formação

    Lisboa (Da correspondente) - A representação da Organização da Mulher Angolana (OMA) em Portugal aconselha as mulheres a continuarem a inverstir na sua formação, para estarem, cada vez mais, capacitadas a exercer cargos de direcção.