Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

07 Dezembro de 2018 | 16h42 - Actualizado em 07 Dezembro de 2018 | 16h42

Medidas profiláticas reduzem níveis de incêndios no Cunene

Ondjiva - A intensificação de campanhas de sensibilização sobre medidas de prevenção contra incêndios pelo Serviço de Bombeiros (SB), em Ondjiva, e em outros pontos da região contribuiu para a redução de incêndios ao longo do ano em curso na província do Cunene.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Incêndio

Foto: Henri Celso

De acordo com o balanço operativo Serviço de Protecção Civil e Bombeiros (SPCB), no decurso de Janeiro a Novembro do corrente ano, se registaram 54 incêndios, contra os 95 do período homologo de 2017.

A diminuição de mortes por afogamentos e de incêndios deve-se aos métodos de prevenção e sensibilização, consubstanciado em palestras e debates educativos, distribuição de panfletos em locais de maior movimento populacional, assim como em Igrejas, praças e outras.

O sector residencial, com 40 ocorrências, foi o mais afectado, comercial e instituições públicas, com quadro incêndios cada, transporte com três, dois ligado ao sector energéticos e um florestal.

Como causa, o órgão aponta como base dos incêndios a negligencia, curto-circuito, fuga de gás e presumível fogo posto.

Relativamente aos casos de afogamento, o SB registou a morte de 14 pessoas em poços de água e chimpacas (reservatório de agua pluviométricas a céu aberto), contra os 22 de igual período anterior, bem como a remoção de cinco cadáveres vítimas de enforcamento.

Foram ainda registados no decurso do ano 44 invasão de abelhas, seis de serpentes, um derrame de combustível, quatro vazamentos de gás, 138 evacuação de pacientes as unidades hospitalares e 100 assistência as aeronaves.

No domínio do trabalho profiláctico, realizaram-se 829 actividades em diversos estabelecimentos económicos e sociais, sendo 287 inspeções iniciais, 522 periódica, três vistorias e 17 visitas pré operativas, que resultaram na tomada de 553 medidas de prevenção e segurança contra os riscos de incêndios.

O Serviço de Bombeiros e Protecção Civil no Cunene dispõe de um comando central, quatro cinco operativos nos municípios de Namacunde, Cuvelai, Ombadja e Curoca no Aeroporto de Ondjiva. 

Leia também