Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

16 Abril de 2018 | 07h01 - Actualizado em 16 Abril de 2018 | 11h39

Movimento ''Akwa Mana'' manifesta-se contra assimetrias no Leste

Saurimo - O Movimento Leste ?Akwa Mana?, realizou domingo, em Saurimo, uma marcha pacífica, em reivindicação as assimetrias na região leste do país, registadas nas províncias da Lunda Norte, Lunda Sul e Moxico.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

LUNDA SUL - MANIFESTANTES DO MOVIMENTO CÍVICO "AKWA MANA"

Foto: CEDIDA

A marcha que contou com centenas de participantes de diversos estratos sociais, vindos das três províncias, teve início nas bombas de combustível da Fina e culminou no Largo 1º de Maio.

Durante a marcha os manifestantes reivindicaram a resolução urgente de alguns problemas socioeconómicos da população desta região, como a reabilitação das estradas nacionais 180 e 230, melhorias no saneamento básico, fornecimento de energia e água.

Os mesmos exibiram cartazes que ilustraram alegado descontentamento da população no que toca ao desemprego e a insuficiência de salas de aulas ,unidades sanitárias, assim como  a falta de indústrias transformadoras.

No final da marcha, o responsável do Movimento, Guilherme Martins, disse que a organização manifestou-se “em nome do povo da região Leste”, para exigir do Executivo, o cumprimento das promessas feitas durante a campanha eleitoral e na última reunião da Comissão Económica do Conselho de Ministro, decorrida na cidade do Dundo (Lunda Norte).

Enalteceu os governos da Lunda Sul por ter permitido a realização da referida Marcha e do Moxico por permitir que os jovens se deslocassem para a cidade de Saurimo, a fim de participarem da mesma.

A polícia Nacional enalteceu o comportamento cívico demonstrado pelos manifestantes referindo  que a marcha foi ordeira e pacífica, como a Lei orienta.

Leia também
  • 08/11/2018 16:40:38

    População de Cassai-Sul e Muriege clama por infraestruturas sociais

    Saurimo - A população das comunas de Cassai-Sul e Muriege, município do Muconda (Lunda Sul), solicitou hoje, quinta-feira, ao Governo Provincial, a construção de infraestruturas e serviços sociais básicos, mormente escolas, postos de saúde e água potável.

  • 08/11/2018 09:11:39

    CPJ sugere medidas para melhoria do sector social

    Saurimo - O Conselho Provincial da Juventude na Lunda Sul, sugeriu hoje, segunda-feira, em Saurimo, algumas medidas que podem contribuir para a melhoria dos sectores da educação, saúde, emprego, formação profissional e habitação nesta região.

  • 08/11/2018 08:53:26

    Orfanato 1 de Dezembro volta a albergar órfãos em 2019

    Saurimo - O Orfanato 1 de Dezembro voltará a albergar as 51 crianças que foram transferidas, em Novembro de 2017, no Lar de estudantes do município de Saurimo (Lunda Sul), devido a progressão de uma ravina que ameaçava destruir a infraestrutura.

  • 05/11/2018 15:42:40

    Governante quer contribuição de todos no saneamento básico

    Saurimo - O governador provincial da Lunda Sul, Daniel Félix Neto, apelou, hoje, segunda-feira, as populações dos bairros Luavur e Santo António, a contribuírem no saneamento básico e no melhoramento das ruas circundantes, para evitar-se doenças nesta época chuvosa e melhorar a sua imagem.