Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

14 Junho de 2018 | 12h33 - Actualizado em 14 Junho de 2018 | 12h33

Diferencial competitivo é sucesso para um empreendedor

Luanda - O diferencial competitivo é considerado uma ferramenta importante para o sucesso de qualquer empreendedor, só assim conseguirá resistir no mercado e adaptar-se aos tempos, afirmou hoje, quinta-feira, em Luanda, o docente Hélio Aragão.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Hélio Aragão - Docente (Arquivo)

Foto: Rosario dos Santos

A ideia foi expressa quando dissertava sobre “Empreendedorismo como factor de reintegração em Angola”, dirigida à pessoas com necessidades especiais, numa promoção da Fundação Lwini, no âmbito do seu vigésimo aniversário, a assinalar-se dia 30 deste mês.

Esclareceu que o mercado está em constante mudança, logo há necessidade de apostarem na mudança do diferencial competitivo. “Quando um empreendedor aplica ou associa o seu negócio a uma marca ou moda é um diferencial", frisou.

Disse que ter algo de novo, em relação aos outros, é o que distingue cada um dos demais no mercado, por isso deve ser considerada a chave para o sucesso de um empreendedor.

Hélio Aragão sublinhou que o empreendedorismo não é ciência nem arte, mas uma prática que tem que ser constante no dia-a-dia.

Por sua vez, o director Executivo da Fundação Lwini, Alberto Ferreira, fez saber que a motivação da palestra, para além da comemoração dos 20 anos do grupo, é proporcionar aos jovens formação sobre o tema.

Acrescentou que há seis anos, a Fundação tem feito esforços com parceiros para a formação técnica dos jovens. “Infelizmente por razões óbvias o mercado não tem correspondido com as exigências dos nossos formandos, então havia necessidade de despertar neles o sentido de empreendedorismo", reforçou.

Lembrou que os desafios de um empreendedor devem ser constantes para vencer as dificuldades do dia a dia, pelo que os jovens devem ser encorajados e sensibilizados a prosseguir com empenho para o alcance do sucesso.

Informou que ao contrário das edições anteriores, este ano a data (30 de Junho) será dedicada a angariação de fundos, com a realização de um encontro com todos os beneficiários das restantes galas para juntos partilharem experiências.

Participaram do encontro 30 jovens pessoas com necessidades especiais e membros da fundação, com destaque para a vice-presidente, Joana Lina.

Assuntos Fundação Lwini   Sociedade  

Leia também
  • 14/06/2018 11:16:42

    Municipalização da Acção Social em implementação no Moxico

    Lucusse - O programa de municipalização da Acção Social, que visa apoiar pessoas em situação de vulnerabilidade no país, foi lançado quarta-feira, na comuna do Lucusse, 133 quilómetros a sul da cidade do Luena, província do Moxico.

  • 13/06/2018 18:28:22

    Portadores de albinismo consideram que discriminação tende a reduzir

    Malanje - Algumas pessoas portadoras de albinismo, em Malanje, consideram que a discriminação racial de que eram alvo os indivíduos com esse tom de pele, tende a reduzir significativamente nos últimos tempos, devido a moralização das consciências dos cidadãos e do combate ao preconceito promovido pela sociedade e o Estado.

  • 13/06/2018 17:28:52

    Polícia Nacional retira armas de fogo de supostos marginais

    Luanda - Cinco armas de fogo foram retiradas nas últimas 24 horas das mãos de supostos marginas pelo Comando Provincial da Polícia Nacional (PN), menos uma em relação ao período anterior, revela uma fonte policial.