Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

14 Setembro de 2018 | 14h10 - Actualizado em 14 Setembro de 2018 | 14h10

Administrador quer participação activa da população

Namacunde - A necessidade da população residente no município de Namacunde, província do Cunene, ter uma participação mais inclusiva e activa no desenvolvimento socio-económico, foi defendida hoje, sexta-feira, na circunscrição, pelo administrador municipal, Frederico Alukeinge.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cunene: Administrador Municipal do Namacunde - Frederico Halukengue

Foto: José Cachiva

Em declarações à Angop, o responsável referiu que o progresso desejado só será possível com a participação de todos, onde cada um faz e cumpre com as suas responsabilidades.

Frisou que todos são chamados a participar nessa missão, pois administração municipal fará a sua parte e os cidadãos podem também dar o seu contributo no desenvolvimento socio-económico de Namacunde.

Segundo dados da administração municipal de Namacunde, existe na circunscrição um hospital municipal, 18 postos e sete centros de saúde. Quanto a educação dispõe de escolas do ensino primário ao II ciclo.

Sobre o abastecimento de energia e água potável a população no município de Namacunde, conheceu, nos últimos anos, melhorias significativas fruto da expansão da rede de distribuição eléctrica em novas localidades e de água a partir da conduta Xangongo/Ondjiva.

O município de Namacunde, 35 quilómetros a sul de Ondjiva, capital da província do Cunene, conta com duas comunas e uma população estimada em 143 mil e 900 habitantes.

Assuntos Província » Cunene  

Leia também
  • 12/09/2018 18:02:50

    Cunene necessita de 40 educadores de infância

    Ondjiva - Quarenta novos educadores de infância são necessários na província do Cunene, para cobrir os 15 centros infantis comunitários existente, disse hoje, quarta-feira, em Ondjiva, a directora local da Acção Social, Família e Igualdade no Género, Julinda Sinedima Dionísio.

  • 12/09/2018 17:57:23

    Empregados domésticos devem ter segurança social - diz INSS

    Ondjiva - Os os empregadores devem inscrever os trabalhadores domésticos no sistema de protecção social obrigatória, apelou, hoje, quarta-feira, o director provincial do Instituto Nacional da Segurança Social (INSS), no Cunene, Boaventura Sayuka.

  • 12/09/2018 03:06:28

    Técnicos reforçam saber sobre contratação pública

    Ondjiva - Temas como procedimentos, execução dos contratos, natureza das unidades de contratação pública e planeamento de necessidades destacam-se na acção de capacitação sobre contratação pública iniciada terça-feira, em Ondjiva (Cunene).