Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

12 Outubro de 2018 | 17h05 - Actualizado em 12 Outubro de 2018 | 17h05

Ex-militares no Bengo ganham kits profissionais

Caxito - Quarenta ex-militares dos municípios do Dande e Nambuangongo, na província do Bengo, foram agraciados hoje, sexta-feira, em Caxito, com kits de subsistência entregues pelo Instituto de Reintegração dos Ex-militares (IRSEM).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Irsem entrega material a ex-militares

Foto: Adão João Pedro

Dos beneficiários, 25 são do município do Dande e 15 de Nambuangongo, integrados no projecto do denominado “Agora” que receberam kits dos componentes de alvenaria, serralharia, alfaiataria, mecânica, carpintaria e geradores.

No acto de entrega dos bens, o chefe dos serviços provinciais do IRSEM do Bengo, Izequel Paulo, disse que a oferta enquadra-se nas estratégias para a conclusão do processo de reintegração socioeconómico produtiva e da acção de geradores de oportunidades, referente ao quinquénio 2018 a 2022.

Aconselhou os beneficiários no sentido de cuidarem os kits profissionais, de modo a proporcionar os rendimentos de negócios de acordo com os planos concebidos, para o bem-estar das famílias.

Disse que o IRSEM no Bengo, durante o quinquénio 2018-2022, pretende atender 694 ex-militares, desmobilizados no âmbito dos protocolos de Bicesse e de Lusaka e do entendimento de Luena.

Por sua vez, a beneficiária, Margarina Salvador Jorge, ex-militar de 77 anos de idade, desmobilizada em 1993, agradeceu o gesto do IRSEM, sublinhando que o kit a ajudará a melhorar as condições de vida, associando com actividade agrícola.

Apelou ao Governo e as organizações filantrópicas no sentido de continuar a relembrar aqueles que lutaram para a libertação de Angola, apoiando-os com outros meios para o auto sustento das suas famílias.

Já Domingos Teixeira, ex-militar que ingressou nas fileiras em 1980 e desmobilizado 1992, é pedreiro da profissão desde de 1973, na província do Cuanza Sul. Manifestou a sua satisfação, tendo afirmado que agora está em condições de fazer o seu trabalho com sucesso, contando com ajuda de mais três jovens, para melhor proveito.

Assuntos Província » Bengo  

Leia também