Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

07 Novembro de 2019 | 20h17 - Actualizado em 07 Novembro de 2019 | 20h17

Menor morre afogado em cacimba no Quipungo

Lubango - Um menor de sete anos de idade morreu afogado numa cacimba no município de Quipungo, província da Huíla, na quarta-feira, quando provavelmente brincava junto ao poço.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Sede municipal de Quipungo

Foto: Morais Silva

Esse facto foi divulgado hoje, quinta-feira, à Angop, na cidade do Lubango, pelo porta-voz do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros da Huíla, Inocêncio Hungulo, tendo referido que a operação de resgate para retirar o cadáver de dentro da cacimba demorou duas horas.

Precisou que o caso aconteceu na localidade de Condo Cahanda, comuna de Cainda, que dista a 30 quilómetros da sede municipal de Quipungo.

Segundo o porta-voz, o incidente ocorreu quando a criança, possivelmente, encontrava-se a brincar nos arredores e por descuido escorregou e caiu no interior do poço, acabando por afogar-se minutos depois.

Trata-se do terceiro caso do género no município do Quipungo este ano, os dois anteriores aconteceram nos meses de Maio e Agosto, respectivamente, vitimando também crianças.

Leia também
  • 07/11/2019 16:46:38

    Autoridades detêm implicados da invasão da cadeia Luzia

    Saurimo - Vinte e quatro cidadãos foram detidos, recentemente, pelo efectivo do Comando Provincial da Polícia Nacional da Lunda Norte nos últimos dias após tentativa falhada de resgate de um recluso, em Outubro deste ano, da cadeia do Luzia.

  • 07/11/2019 16:11:39

    Mbanza Kongo ganha aterro sanitário

    Mbanza Kongo - Trezentos e 22 milhões de Kwanzas serão aplicados, em 2020, na construção de um aterro sanitário e aquisição de uma incineradora para o tratamento do lixo hospitalar na cidade de Mbanza Kongo, província do Zaire.

  • 07/11/2019 11:18:22

    Familiares abandonam cadáver no hospital materno-infantil

    Ndalatando - Os restos mortais de um menor de sete anos de idade foram abandonados, pelos familiares, no hospital materno-infantil do Cuanza Norte, onde o petiz sucumbiu após ser internado em estado grave, na última quarta-feira.