Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

27 Novembro de 2019 | 05h04 - Actualizado em 27 Novembro de 2019 | 08h11

Minint quer combate cerrado contra violência doméstica

Mbanza Kongo - O delegado provincial do Zaire do Ministério do Interior, Manuel Gonçalves, considerou, nesta terça-feira, em Mbanza Kongo, a violência doméstica como um flagelo social, cujo combate exige dos órgãos de justiça rigor na aplicação de penas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ao intervir na abertura das actividades comemorativas do 24º aniversário da Associação da Mulher Polícia de Angola (AMPA), a assinalar-se no próximo dia 15 de Dezembro, o também comandante provincial do Zaire da Polícia Nacional afirmou que este flagelo tem contribuido para a desestruturação das famílias.

"No país ainda se assiste a casos repugnantes de maus tratos e de até mortes envolvendo homens e mulheres, apesar de a Lei Contra a Violência Doméstica estar em vigor há oito anos", disse.

“Há oito anos que temos a lei que penaliza essa prática. Apesar de trazer avanços, ainda temos um longo caminho para mudar o quadro actual quanto a violência doméstica diz respeito”, acentuou.

Manuel Gonçalves defendeu à necessidade da realização de mais palestras sobre essa temática em locais de maior aglomeração populacional, como escolas, mercados, igrejas, entre outros espaços públicos.

Pediu às vítimas de violência doméstica a denunciarem tais actos para se responsabilizar criminalmente os seus autores.

O programa do 24º aniversário da Associação da Mulher Polícia de Angola (AMPA) a nível da região inscreve actividades culturais, desportivas e recreativas, assim como palestras e visitas a locais de interesse histórico.

Leia também
  • 27/11/2019 02:26:56

    Ministra de Estado destaca papel do idoso nas comunidades

    Luanda - A ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, considerou, terça-feira, em Luanda, os idosos como verdadeiros poços de sabedoria, com capacidade de dirimir conflitos nas comunidades.

  • 26/11/2019 17:05:27

    Portal da Cidade de Malanje ao dispor do cidadão

    Malanje - O portal da cidade de Malanje, uma página disponível na Internet, que permite ao cidadão obter informações, emitir opiniões, críticas e sugestões sobre questões ligadas à governação e outros assuntos da região, está já ao dispor da população.

  • 26/11/2019 15:59:13

    Igreja Nova Apostólica apoia vítimas da seca

    Menongue - As famílias afectadas pela seca na província do Cuando Cubango receberam hoje, terça-feira, da Igreja Nova Apostólica - Angola, cinco toneladas de bens de primeira necessidade para minimizar a carência que enfrentam.