Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

09 Março de 2019 | 00h51 - Actualizado em 09 Março de 2019 | 07h57

Resenha Social: Jornada do 8 de Março marca semana

Luanda - As actividades em torno do 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, marcaram a semana que hoje, sábado, termina.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em todo país registou-se a realização de acções enaltecendo o papel das mulheres na sociedade, reafirmando-se a necessidade da sua total emancipação.

Sobre o assunto, mereceu destaque a mensagem da ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, sobre a necessidade de as mulheres continuarem unidas e firmes na defesa dos valores morais, tradicionais da família, por ser no seu seio que se educa e fortalece o respeito e se criam as condições para nações fortes que respeitem a dignidade humana.

Carolina Cerqueira que falava à imprensa sobre o 8 de Março, manifestou-se triste pelo facto de a violência  doméstica que  está a ganhar contornos alarmantes no meio urbano como no rural deve constituir  uma preocupação de todas as mulheres,  que têm que juntar  a sua  voz na campanha contra este mal  que assola o país.

No domínio sanitário, marcou a semana a realização de um encontro de auscultação sobre a saúde pública em Angola. O sector tem como uma das metas a melhoria do fluxo de informação em cada província, bem como a elaboração do manual de formação sobre as Doenças Tropicais Negligenciadas (DTN) até Dezembro deste ano.

O lançamento da obra científica intitulada “Atlas Herpetofauna” destacou-se também ao longo da semana.

Trata-se de uma compilação de toda informação sobre répteis e anfíbios, bem como a biodiversidade, com a histórica das espécies das ciências biológicas e actualizações, as novas descobertas, como  o crocodilo anão, espécie anteriormente encontrada apenas na Bacia do Congo,  agora reconhecida também na Bacia do Cuanza.  

Ao longo da semana, a media fez também manchete do “Seminário de Segurança Pública” dirigida a jornalistas, numa promoção do Ministério do Interior em parceria com o Ministério da Comunicação Social.

O seminário visou a troca de experiências, partilha, sobretudo de aprendizagem, de forma a lidar e tratar melhores notícias ligadas a segurança pública, matérias criminais e conexas, tanto para o seu benefício, bem como aos profissionais e os que consomem o produto final.  

Marcou ainda a semana a entrega de meios de locomoção, de meios de locomoção como cadeiras de roda, andarilho e computadores adaptados, numa doação da Fundação Lwini, a 18 portadores de deficiência.

O gesto teve como primazia crianças com idades entre os 5 a 13 anos e esteve enquadrado no projecto “Esperança, mobilidade e liberdade”, desenvolvido desde 2001, pela Fundação Lwini, Alberto Ferreira, sublinhou que mais de 30 mil cadeiras de rodas foram distribuídas pelo país desde a criação da instituição.

Assuntos Angola  

Leia também
  • 07/03/2019 18:19:35

    Governante quer mulheres unidas e firmes

    Luanda - As mulheres devem continuar unidas e firmes na defesa dos valores morais, tradicionais da família, por ser no seu seio que se educa e fortalece o respeito e se criam as condições para nações fortes que respeitem a dignidade humana.

  • 07/03/2019 17:26:32

    Norte-americanos disponíveis para formar pessoal de saúde

    Luanda - Especialistas norte-americanos manifestaram, nesta quinta-feira, em Luanda, disposição em cooperar com Angola na formação de quadros da saúde preventiva.

  • 07/03/2019 13:21:44

    Pessoas com deficiência recebem meios de locomoção

    Luanda - Dezoito portadores de deficiência beneficiaram hoje, quinta-feira, em Luanda, de meios de locomoção como cadeiras de roda, andarilho e computadores adaptados, numa doação da Fundação Lwini.