Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

11 Março de 2019 | 17h42 - Actualizado em 11 Março de 2019 | 17h42

CLESE com dificuldades de espaço para responder a procura formativa

Huambo - O Centro Local de Empreendedorismo e Serviços de Emprego (CLESE), na província do Huambo, está com dificuldades de espaço para responder a demanda em termos de procura formativa.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Edificio do Clese do Huambo

Foto: Angop

A preocupação foi manifestada hoje, em declarações à ANGOP, pelo director em exercício da instituição pública, Sabino Ukwelonga, ao informar que o centro, inaugurado em 2012, apenas possui duas salas, com capacidade para 24 alunos, muito aquém da procura.

Segundo o responsável, diariamente ocorrem àquela instituição, em média, 20 cidadãos, interessados em frequentar cursos de inglês, informática e gestão de pequenos negócios, mas nem todos conseguem vaga por insuficiência de espaço.

Informou, também, que a falta de espaço tem condicionado a abertura de novos cursos com necessidades no mercado e muito solicitados por parte dos candidatos, entre os quais o de culinária, pastelaria e de reparação de computadores.

Outra preocupação do CLESE, segundo Sabino Ukwelonga, é a insuficiência de formadores, já que os oito actuais não conseguem atender os 267 formandos nas áreas de empreendedorismo, informática, contabilidade, inglês, francês e decoração.

Lembrou que em 2018 a instituição formou 252 cidadãos, de um total de 402 inscritos. Os formados frequentaram cursos de gestão e pequenos negócios (153), informática (65), contabilidade (28) e inglês (5).

Também em 2018, o CLESE ajudou 58 cidadãos a conseguir emprego no sector privado, de um total de 268 candidaturas recepcionadas.

 O Centro Local de Empreendedorismo e Serviços de Emprego, do Ministério do Trabalho, Emprego e Segurança Social, tem como finalidade apoiar os cidadãos na superação dos múltiplos desafios para a obtenção de um emprego digno, fornecer consultoria empresarial, apoiar os futuros proprietários de negócios e empresários na tomada de decisões acerca da viabilidade de criação e operação de pequenos negócios.

Leia também
  • 11/03/2019 14:08:13

    Mirex forma técnicos para prevenção da violência

    Luanda - Catorze técnicos dos Ministérios da Educação, Saúde, Acção Social Família e Promoção da Mulher e do Interior estão a ser capacitados para serem formadores nacionais na prevenção da violência sexual baseada no género numa co-organização do Ministério do Interior (Mirex), a Coordenação Nacional sobre a Região dos Grandes Lagos e o Centro de Formação de Kampala (Uganda).

  • 10/03/2019 23:46:35

    Construção de famílias sólidas deve ser prioridade das mulheres

    Huambo - A construção de famílias sólidas e sãs deve ser encarado como prioridade das mulheres angolanas, cujo papel na família tem sido abafado pelas suas ocupações profissionais.

  • 10/03/2019 23:35:46

    Formação profissional abrange 161 reclusos

    Huambo - Cento e 61 reclusos internados na Unidade Penitenciária da província do Huambo vão frequentar, este ano, cursos básicos de formação técnico-profissional, no âmbito do processo da sua ressocialização após cumprirem as suas penas.