Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

15 Maio de 2019 | 16h19 - Actualizado em 15 Maio de 2019 | 16h18

Acção Social quer valorização da dignidade humana

Lubango - O chefe de departamento de políticas familiares do gabinete provincial da Família e Igualdade de Género da Huíla, Estêvão Baptista Chamuene, aconselhou, nesta quarta-feira, as famílias a estabelecer planos de educação baseados na experiência dos ancestrais, fundamentados em preceitos do bem viver, do respeito, da dignidade e do amor ao próximo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Falando no acto que marcou o dia internacional da família, o responsável consideoru imperioso a preparação das famílias para fazer face aos desafios actuais, consubstanciados na moralização da sociedade, face a reconstrução do país.

O jurista afirmou que a sociedade vive uma pressão trazida pelos avanços tecnológicos focalizados na modernização e no intercâmbio de diferentes culturas, facilitado inicialmente pela globalização.

O sector da Acção Social, Família e Igualdade de Género, disse, tem registado inúmeros casos de violência contra a mulher, bem como de fuga à paternidade.

Estêvão Chamuene destacou a necessidade de se colocar a família em primeira instância no processo de adopção de atitudes e comportamentos que dignifiquem a construção de uma sociedade pura e baseada no amor ao próximo, na solidariedade e no respeito pela convivência social, na perspectiva do reforço das competências familiares.

Leia também
  • 15/05/2019 15:47:49

    Transportes viola Lei das Acessibilidades

    Dondo - O director nacional da Inclusão da Pessoa com Deficiência do Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Micael Daniel, apontou, nesta quarta-feira, o sector dos transportes como o mais incumpridor da Lei das Acessibilidades em Angola.

  • 15/05/2019 12:16:55

    Ministra encoraja diálogo e harmonia familiar

    Dondo - A ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Faustina de Almeida Alves, encorajou, nesta quarta-feira, no Dondo (Cuanza Norte), o bom relacionamento familiar, para se combater as drogas, o excesso de álcool, a gravidez e os casamentos precoces.

  • 15/05/2019 11:02:06

    Conselho Consultivo recomenda municipalização da acção social

    Ndalatando - O 2º Conselho Consultivo do Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher recomendou, terça-feira, a expansão do Programa de Municipalização da Acção Social em todo o país.