Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

28 Maio de 2019 | 16h36 - Actualizado em 28 Maio de 2019 | 16h36

Governo materializa políticas de inclusão social da criança

Moçâmedes - O governo da província do Namibe vai continuar a trabalhar para materialização das políticas de inclusão social, cultural e económica das crianças, disse hoje, terça-feira, o vice-governador para Esfera Técnica e Infra-estruturas, José António.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O responsável fez esse pronunciamento quando intervinha na cerimónia de abertura da “Semana de Reflexão sobre a Criança”, na cidade de Moçâmedes, tendo sublinhado ser uma das prioridades do governo da província do Namibe defender e cuidar dos menores por ser uma das camadas da sociedade mais frágil e constituir o futuro do país.

"A criança merece uma atenção especial, por ser uma das camadas mais vulnerável da população, por isso o governo tem tomado medidas necessárias para a sua devida protecção", frisou.

Fez saber, por outro lado, que nos últimos tem se verificado um fenómeno de  migração de crianças e adolescentes da província da Huíla para o Namibe, a procura de melhores condições de vida e muito deles acabam nas más práticas como o uso de bebidas alcoólicas, prostituição e delinquência.

Acrescentou que algumas destas crianças são ainda submetidas a trabalhos forçados em fazendas agrícolas, obras de construção civil e no ramo das pescas, pondo em causa o seu futuro.

Apelou à população a denunciar essas práticas para se punir os infractores.

Lembrou ainda que o governo local está a realizar campanhas de resgates dos valores morais, éticos, culturais e patriótico, nas comunidades para melhor convivência da população e protecção dos menores.

Salientou que a sociedade angolana vive momentos de crise de valor morais, por isso é necessário manter o diálogo permanente nas famílias, no sentido de passarem bons ensinamentos às crianças e aos adolescentes, principalmente.

Já a chefe do Instituto Nacional da Criança (INAC) do Namibe, Margarida Gonçalves, apontou como um dos principais objectivos da “Semana de Reflexão sobre a Criança”, a sensibilização e mobilização da sociedade para protecção dos direitos fundamentais dos menores.

Assuntos Província » Namibe  

Leia também
  • 18/05/2019 14:05:28

    Namibe: Unita defende contínua formação dos seus quadros

    Moçamedes - O secretário provincial da União Nacional de Independência Total de Angola (UNITA) do Namibe, Domingos Mizá, defendeu hoje, nesta cidade, a contínua formação e orientação política dos seus quadros, por forma a corresponder com os desafios que se impõem.

  • 13/05/2019 19:42:11

    Falta de autoridade dos pais desestrutura famílias - diz docente

    Moçâmedes - O docente universitário João Cadete disse hoje, segunda-feira, na cidade de Moçâmedes, província do Namibe, que a falta de autoridade de alguns pais e de outros encarregados de educação está na base da desestruturação de muitas famílias angolanas.

  • 07/05/2019 14:51:39

    Lançado projecto Otchitchapa no Namibe

    Moçâmedes - O gabinete provincial dos Registos e Organização Administrativa do Namibe procedeu, esta terça-feira, ao lançamento do projecto de inclusão digital "Otchitchapa", cujo objectivo é oferecer cursos básicos de informática para funcionários públicos.