Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

07 Junho de 2019 | 13h02 - Actualizado em 07 Junho de 2019 | 14h48

Administração sensibiliza fabricantes de adobes

Dundo - A administração comunal de Luachimo, município de Tchitato, está a sensibilizar os jovens para deixarem de fabricar adobes por causar o surgimento e progressão de algumas ravinas na circunscrição que colocam em perigo o troço que liga a sede à cidade do Dundo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Produção de adobes (Arquivo)

Foto: Angop

Em declarações à imprensa, a propósito das consequências do fabrico de adobes em locais impróprios na circunscrição, o administradar comunal, Francisco Salvador, sublinhou que estão igualmente a aconselhar os jovens a apostar na formação profissional, com vista a se inserirem no mercado formal, através do empreendedorismo.

Por ser uma actividade cujos recursos são esgotáveis e é desenvolvida sem as mínimas condições de segurança e higiene e em locais impróprios, a actividade põe em risco a saúde dos fabricantes.

Alertou que a actividade, apesar de se tornar na principal fonte de receitas de dezenas de famílias, coloca em risco algumas residências e pode causar a diminuição da matéria orgânica dos solos que leva ao seu enfraquecimento.

O negócio é realizável no tempo seco, uma vez que na época chuvosa os adobes são constantemente desfeitos.  

Leia também
  • 31/05/2019 15:07:58

    ANGOP tem novo delegado na Lunda Norte

    Dundo -O novo delegado da Agência Angola Press (Angop) na província da Lunda Norte, Hélder Faienda Dias, foi apresentado hoje, sexta-feira, ao governador provincial, Ernesto Muangala.

  • 01/05/2019 14:26:07

    Sindicatos pedem revisão da Lei Geral do Trabalho

    Luanda - A melhoria das condições salariais, de trabalho, a celeridade na resolução de conflitos laborais e a revisão da actual Lei Geral do Trabalho (LGT) constituíram as principais reivindicações apresentadas, nesta quarta-feira, pelos trabalhadores angolanos.

  • 17/04/2019 12:29:58

    Governo da Lunda Norte aposta na recolha do lixo porta a porta

    Dundo - O governo da província da Lunda Norte aposta no modelo recolha de lixo porta a porta, como forma de melhorar o saneamento básico na Centralidade do Mussungue.