Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

16 Agosto de 2019 | 16h40 - Actualizado em 16 Agosto de 2019 | 16h46

População do Luachimo ganha sistema de água

Dala - Vinte anos depois, a população do bairro Luachimo ganhou hoje, sexta-feira, um sistema de captação de água, inaugurado no âmbito das comemorações do 51º aniversário da sua elevação a categoria de vila.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O sistema de água, cuja cnstrução custou 16 milhões de kwanzas, inclui chafarizes, lavandaria e balneários, beneficiando dois mil 450 habitantes.

Antes do sistema de água, a população consumia o liquído acarretado no rio Luachimo, a cerca de dois quilómetros.

A circunscrição ganhou igualmente um posto de saúde, na localidade do Thóca, e uma escola de quatro salas de aulas, no Cajita.

Bairro Muliata

Para atender a população do bairro Muliata, a seis quilómetros da sede municipal do Dala, foi lançada a primeira pedra para a construção do sisteam de ága, no quadro do Programa Água Para Todos.

O sistema terá capacidade de bombear 30 mil litros de água e inclui a construção de três chafarizes e dois furos, para beneficiar, numa primeira fase, 10 mil habitantes. A edficação da infra-estrutura está orçada em 30 milhões de Kwanzas.

Educação

 

O município controla 55 escolas, com  23.522 alunos e 347 professores.

Saúde

O município do Dala dispõe de um hospital municipal, igual número de maternidade, morgue com 12 gavetas, dois centros e 20 postos de saúde, com um total de 73 camas, para atender 26 mil e 573 habitantes distribuídos nas comunas de Luma Cassai, Cazage e Sede Dala.

O município está a ser assolado pela progressão de ravinas, que ameaçam cortar as vias e infra-estruturas, e a exiguidade de médicos, augurando a inserção de seis médicos e 40 enfermeiros.

Constituído pelas comunas de Dala, Cazage e Luma Cassai, o município é limitado a norte pelo município de Saurimo, a este pelo Muconda, a sul pelas regiões de Lumeje, Camanongue e Moxico, e a oeste, pelo município de Cacolo, sendo a sua população estimada em 29 mil e 753 habitantes.

Leia também
  • 16/08/2019 13:57:40

    Josefa Sacko encoraja jovens mulheres a enfrentar desafios

    Luanda - Josefa Sacko é uma angolana que ao longo destes anos vem ganhando notoriedade e aumentando o seu prestígio em organizações internacionais. Em Março, foi eleita uma das cem Pessoas Mais Influentes na Política Climática em 2019, numa lista que inclui políticos, funcionários públicos, académicos e activistas. Actualmente figura da lista inaugural das 100 Mulheres Africanas Mais Influentes.

  • 16/08/2019 13:33:12

    Ex-militares recebem material de trabalho no Andulo

    Andulo - Cinquenta e seis ex-militares receberam hoje, sexta-feira, no município do Andulo, província do Bié, duas moagens, material de serralheira e de alfaiataria, para ajudar a desenvolver negócios, de forma a garantir o seu auto-sustento e de suas famílias.

  • 16/08/2019 12:09:33

    Ministra quer dinamismo no combate à pobreza

    Quiuaba Nzoji - A ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Faustina Alves, orientou hoje, sexta-feira, na província de Malanje, os administradores municipais a serem mais dinâmicos e criativos na execução do projecto de combate à pobreza.