Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

14 Agosto de 2019 | 12h44 - Actualizado em 14 Agosto de 2019 | 12h49

Requalificação de unidades sanitárias entre os focos do PIIM no Huambo

Huambo - A requalificação de unidades sanitárias e a terraplanagem de 15 quilómetros de estradas periféricas constam, neste momento, do principal foco do Plano Integrado de Intervenção Municipal (PIIM) da Administração Municipal do Huambo, que contempla sete projectos de carácter social.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

De acordo com o administrador municipal do Huambo, João Calão Manuel Figueiredo, em entrevista esta quarta-feira à Angop, constam das prioridades do  PIIM, desta circunscrição, a reabilitação do sistema de abastecimento de água e energia das comunas de Chipipa, assim como do sistema de energia da Calima, entre outros também de grande importância.

Sem avançar o valor global dos projectos, o administrador informou que para os 15 quilómetros de terraplanagem das vias periféricas do município do Huambo,  por indicar igualmente nos próximos  dias,  serão gastos cerca de 47 milhões, incluindo já os trabalhos de fiscalização, estudos e projectos.

Já para a reabilitação do sistema de abastecimento de água da Chipipa, cerca de 20 milhões,  bem como a volta de 12 milhões para requalificação de centros e postos de saúde, também a serem seleccionadas entre as 61 unidades sanitárias controladas, nesta municipalidade.

Assim, fez saber que para o arranque dos projectos do Plano Integrado de Intervenção Municipal será realizado um concurso público aberto, sendo que já existem algumas empresas cadastradas para tal, mas aguarda-se por mais candidaturas.

“Neste momento, estamos a trabalhar nos planos de acção com a sua temporização, que depois serão avaliados pela equipa técnica criada pelo Governo, que visitará as administrações para analisar se os procedimentos contratuais estão em dia e, posteriormente, será lançado o concurso ainda este ano”, explicou.

Deste modo, deu a conhecer que dado a dimensão dos projectos, após a aprovação das empresas executoras, terão como prazos 30 dias, de acordo com a época de lançamento e de início das obras.

O PIIM, entre várias finalidades, trará soluções para melhorias de muitas situações que ainda afligem as comunidades, bem como contribuirá para o processo de descentralização que tem acontecido pelo país, sendo por isso é importante a sua permanência e fiscalização por todos os munícipes, enfatizou.

Com três comunas (Sede, Calima e Chipipa), o município do Huambo possui, aproximadamente, um milhão e 500 mil habitantes. Em termos de rede sanitária, a localidade conta com 61 unidades hospitalares (postos de atendimento médico, centros médicos e hospitais de referência), alguns dos quais com necessidades de requalificação.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 14/08/2019 12:05:56

    Emissão do BI ultrapassa cifra do ano anterior

    Huambo - Quarenta e oito mil e 110 Bilhetes de Identidade (BI) foram emitidos nos primeiros seis meses deste ano, na província do Huambo, mais oito mil e 634 que em igual período em 2018.

  • 14/08/2019 10:42:24

    Administração da Caála entrega lote de terras para fomento habitacional

    Caála - A administração do município da Caála, província do Huambo, fez a entrega, no princípio deste mês, de um total de 22.5 hectares de terras da reserva fundiária da Lenha, arredores da sede municipal, ao Ministério do Interior (MININT) para o fomento habitacional e expansão da rede urbana.

  • 13/08/2019 12:02:54

    Emancipação da mulher não deve afectar seu papel na família

    Huambo - O director do Instituto Bíblico Baptista do Lubango (Huíla), Anastácio Nunes, reafirmou esta terça-feira, na cidade do Huambo, a importância da luta da mulher no processo de emancipação e igualdade de direitos, mas coexistindo com o seu papel enquanto donas de casa.