Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

21 Fevereiro de 2020 | 19h41 - Actualizado em 21 Fevereiro de 2020 | 19h40

Caixa Social do Minint investe na construção de moradias

Ndalatando - Três mil milhões e 800 mil kwanzas foram investidos pela Caixa de Protecção Social do Ministério do Interior (Minint), para a construção de 200 moradias do tipo T-3, destinados aos seus associados na província do Cuanza Norte.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A informação foi prestada esta sexta-feira à imprensa, em Ndalatando, pelo director-geral da instituição mutualista, Natalício Luís António, no final de uma visita de constatação à empreitada de construção.

As habitações, cujas obras tiveram inicio em Junho de 2019, estão a ser erguidas na zona do Kiombo, arredores da cidade de Ndalatando, no quadro do apoio social aos funcionários do Minint.

Com 14 residências já acabadas e 172 em fase de construção, o projecto é fruto da contribuição de oito mil pensionistas, referiu Natalício Luís António.

Quanto às modalidades de comercialização das habitações, disse que serão feitas em regime de renda resolúvel num período entre 20 a 30 anos, estando os critérios de selecção dos funcionários a cargo das delegações provinciais do Ministério do Interior.

Segundo o gestor, projectos similares estão a ser implementados em Benguela, Cabinda e no Cuanza Sul.

A visita às obras das moradias enquadra-se na abertura das actividades alusivas ao 44º aniversário da criação da Polícia Nacional, a comemorar-se a 28 deste mês.

Leia também
  • 21/02/2020 18:04:37

    Mãe e filho morrem afogados no rio Zambeze

    Luena - Dois membros da mesma família (mãe e filho) morreram hoje, sexta-feira, afogados no rio Zambeze, no município fronteiriço do Alto- Zambeze, província do Moxico.

  • 21/02/2020 13:06:04

    Bié com mais de 400 furos de água avariados

    Cuito - Quatrocentos e 60 furos de água potável construídos nos últimos seis anos, nas aldeias e sedes comunas dos nove municípios da província do Bié, estão avariados devido as acções de sabotagem por parte da população.

  • 21/02/2020 11:06:00

    Deficientes abandonam escola por falta de meios de locomoção

    Huambo - Perto de 50 portadores de deficiência da província do Huambo deixarão de estudar este ano na província do Huambo por falta de meios de locomoção, informou quinta-feira à ANGOP o coordenador da LARDEF nesta região, Marcos Chiquemba Cassango