Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

08 Abril de 2020 | 16h48 - Actualizado em 08 Abril de 2020 | 16h48

Desobediência e desacato leva 25 cidadãos ao tribunal

Lubango - Vinte e cinco cidadãos foram, nesta quarta-feira, julgados e condenados pelo Tribunal de Comarca do município da Matala, província da Huíla, a penas de prisão convertidas em multa por desobediência e desacatos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

 

O Juiz do Tribunal de Comarca da Matala, Nazaré António, sentenciou, de entre os condenados, dois catequistas católicos a dois meses de prisão, convertidos em multas de sete mil Kwanzas, cada, por terem celebrado missas em suas casas.

Segundo director do gabinete de comunicação institucional e imprensa da delegação do Interior, inspector Manuel Halaiwa, foram condenados oito cidadãos, dos 25 julgados, entre sete dias a dois meses, por desobediência e injúria contra agentes de autoridade. As multas rondam entre os dois mil aos 40 mil Kwanzas.

Segundo a fonte, 17 cidadãos foram absolvidos e mandados em liberdade.

Desde a entrada em vigor do Estado de Emergência, 70 cidadãos foram julgados, de um total de mais de 233 detidos.

Assuntos Província » Huíla  

Leia também
  • 08/04/2020 11:42:38

    Agentes da Polícia na Huíla suspensos por abuso de autoridade

    Lubango - Dois agentes da Unidade da Polícia de Intervenção Rápida (PIR) foram suspensos por suposta prática de abuso de autoridade enquanto patrulhavam os bairros Comercial e da Lage, nesta terça-feira, no quadro do Estado de Emergência em vigor no país há 13 dias.

  • 02/04/2020 12:00:21

    COVID-19: Agente da PN agredido por moto-taxista na Huíla

    Lubango - Um agente da Polícia Nacional foi agredido, nesta cidade, com uma garrafa, por um moto-taxista por si interpelado, por violar a proibição do exercicio da actividade nesse período de Estado de Emergência.

  • 01/04/2020 16:05:13

    COVID-19: Matala usa motos-cisterna para fazer chegar água

    Matala - A Administração Municipal da Matala, província da Huíla, reforçou, hoje, o sistema de fornecimento de água potável às comunidades com o recurso de 70 motos-cisterna, com o foco, sobretudo, em comunais e bairros com escassez deste líquido para o consumo.