Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

28 Maio de 2020 | 15h59 - Actualizado em 28 Maio de 2020 | 17h45

Administrador quer rigor nas medidas contra covid-19

Cabinda - O administrador municipal de Cabinda, José Mangovo Tomé, pediu hoje, quinta-feira, aos munícipes que colaborem com as autoridades sanitárias e as forças da ordem e segurança na observância das medidas de prevenção contra a covid-19.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

José Mangovo Tomé, que falava no acto que marcou os 64 anos de existência da cidade de Cabinda, sublinhou que o momento exige reflexão de todos os munícipes, primando pelo cumprimento contínuo das medidas de prevenção decretadas pelo estado de calamidade.

Referiu que a administração municipal vai continuar a trabalhar no saneamento básico do meio, para tornar a cidade de Cabinda um postal turístico atractivo, sobretudo as zonas periféricas, combatendo a acumulação do lixo, as águas residuais e paradas e outros tipos de resíduos que podem colocar em causa a vida dos munícipes.

Combater as construções anárquicas nas zonas de risco e nas valas de passagem de água consta igualmente entre as apostas da administração municipal, cujas respostas centram-se na preparação de áreas (terrenos) onde os cidadãos desalojados possam ser acomodados ou reassentados com maior segurança.

Com duas comunas, Malembo e Tando-Zinze, o município de Cabinda é o centro político e económico da província com cerca de 80 por cento da população de Cabinda, onde o comércio, indústria transformadora, porto e aeroporto, sector petrolífero, agricultura e pescas fazem a maior representatividade da produção económica da região.

Foi a 28 de Maio de 1956 que a portaria da administração colonial portuguesa elevou a então Vila Amélia à categoria de cidade.

A cidade tem conhecido expansão nos últimos cinco anos, com o surgimento de novas habitações, com destaque para os complexos residenciais de Cabassango, Buco Ngoio, Santa Catarina, Zongolo, Vila Olímpica, Urbanização de Chibodo, com um total de dois mil apartamentos T3, T4 e T5, novas unidades sanitárias, bem como das obras em curso do novo Aeroporto Maria Mambo Café, terminal de passageiros marítimo, porto de águas profundas do Caio, centro universitário do Caio e a sede administrativa do governo provincial.

Assuntos Província » Cabinda  

Leia também
  • 22/05/2020 12:05:17

    Polícia captura homicida da família em Cabinda

    Cabinda - O Serviço de Investigação Criminal (SIC) em Cabinda deteve, na madrugada desta sexta-feira, o cidadão angolano Michel Mayele Mavungo "Mikadó", suspeito da morte de quatro membros da sua família.

  • 20/05/2020 12:13:46

    COVID-19: Munícipes de Cabinda acusados de violarem medidas

    Cabinda- Os moradores dos bairros da periferia da cidade de Cabinda são acusados de violarem, as medidas de prevenção contra a covid-19, constantemente, com a realização de festas e outras actividades sociais proibidas no âmbito do Estado de Emergência.

  • 20/05/2020 11:42:26

    Polícia "caça" homicida da família

    Cabinda - O Serviço de Investigação Criminal (SIC) lançou, segunda-feira, diligências para a detenção do cidadão congolês democrático Miichel Mikadol, de 30 anos de idade, acusado da morte de quatro membros da sua família, no bairro Liombe, arredores da cidade de Cabinda.