Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

16 Setembro de 2020 | 17h29 - Actualizado em 16 Setembro de 2020 | 17h39

Governador Júlio Bessa quer rigor no combate a incêndios

Menongue - O governador do Cuando Cubango, Júlio Bessa, recomendou, nesta quarta-feira, em Menongue, ao Serviço de Protecção Civil e Bombeiros maior rigor no combate de incêndios.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

De Janeiro à presente data foram registados 83 incêndios, que provocaram duas mortes e danos matérias avaliados em 42.269 milhões de kwanzas.

Os sinistros tiveram como causas principais negligência, curto-circuito e fogo posto, afectando os sectores do ambiente (queimadas), comércio, habitação e transporte.

Há cerca de duas semanas, o maior complexo turístico local "Cambumbe Lodge" foi completamente destruído por um incêndio, com danos materiais de aproximadamente 50 milhões de dólares.

Júlio Bessa, que falava na abertura da reunião com os membros do governo local, afirmou que a vaga de incêndios tem deixado um rasto de destruição na fauna e na flora e graves consequências para o bem-estar do homem e o equilíbrio do ecossistema.

O governador defendeu a necessidade de a corporação envidar esforços para se evitar queimadas, apontando como solução o aumento permanente dos níveis de formação e capacitação profissional dos efectivos, bem como a criação de brigadas contra incêndios e o engajamento nas acções de resgate, salvamento e atendimento pré-hospitalar.

Recomendou a criação de uma reserva de água para a extinção de incêndios, a criação de plano de emergência e evacuação e a colocação de extintores nas instituições, entre outras medidas.

Por seu turno, o porta-voz do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros na província, Júlio Muliata, aconselhou os citadinos a maior prudência no manuseamento de substâncias inflamáveis, para prevenir os incêndios registados, principalmente, ao final de semana.

A nível da província do Cuando Cubango são controlados mais de 200 estabelecimentos económicos e sociais (públicos e privados), dos quais 75 por cento estão equipados com meios de segurança.

Leia também
  • 15/09/2020 20:07:49

    Covid-19: MPLA no Cuito Cuanavale quer militantes exemplares

    Menongue - O uso obrigatório das máscaras faciais, cumprimento do distanciamento físico, lavagem constante das mãos com água e sabão pelos militantes do MPLA no Cuito Cuanavale, província do Cuando Cubango, foi reiterado hoje, terça-feira, pelo 1º secretário municipal do partido, José Martins, no âmbito da prevenção e combate à Covid-19.

  • 10/09/2020 17:04:44

    Jamba Cueio declarada livre de minas

    Menongue - A comuna do Jamba Cueio, no município de Menongue, província do Cuando Cubango, está totalmente livre de minas, o que vai permitir, doravante, a implantação de equipamentos sociais e acções de impacto económico.

  • 10/09/2020 12:56:02

    Projectos do PIIM arrancam sexta-feira no Cuando Cubango

    Menongue - O lançamento da primeira pedra para a construção da administração comunal de Jamba Cueio, na província do Cuando Cubango, previsto para sexta-feira, marca o arranque oficial dos projectos enquadrados no Plano de Intervenção nos Municípios (PIIM) nesta localidade.