Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

16 Setembro de 2020 | 16h16 - Actualizado em 16 Setembro de 2020 | 16h16

Governo quer regularização das residências inacabadas

Ondjiva - O vice-governador para os serviços técnicos e infra-estruturas do Cunene, Édio Gentil José, orientou, nesta quarta-feira, a regularização do processo de distribuição e comercialização das residências inacabadas no bairro Caxila III, arredores da cidade de Ondjiva.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Residências inacabadas no Bairro da Caxila III

Foto: José Cachiva

Trata-se de 500 residências do tipo T3 construídas na Caxila III, em 2014, para alojar as populações sinistradas pelas cheias que assolaram a região em 2008, e ficaram por concluir, por causa da crise financeira.

As residências foram entregues em 2017 aos beneficiários interessados, por via de um sorteio, e com prazo de quatro a nove meses para serem concluídas e habitadas, mas a maioria apresenta um estado de abandono.

Ao falar no acto de lançamento para o recadastramento das residências, Édio Gentil José disse que os beneficiários que receberam as casas inacabadas devem contactar a equipa da comissão para a conclusão das obras, colocando portas e janelas.

Fez saber que o processo de regularização das residências conta com uma brigada, que durante 30 dias, vão avaliar o número de casas habitadas, em estado de abandono e concluídas.

Édio Gentil José sublinhou que o governo provincial, a ENDE e a empresa de Água estão a crir as condições para estender a rede eléctrica e água potável.

Assuntos Província » Cunene  

Leia também
  • 10/09/2020 17:22:00

    Acção Social quer melhor gestão do massango nas comunidades

    Ondjiva - A directora provincial da Acção Social, Família e Igualdade do Género no Cunene, Elizeth Mwamelungi, aconselhou hoje, quinta-feira, em Ondjiva, as famílias da zona rural a melhorarem a forma de gestão do massango, para evitar o risco de fome nos próximos meses.

  • 09/09/2020 18:23:22

    Gabinete da Cultura do Cunene apresenta Prémio da Juventude

    Ondjiva - O Gabinete Provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desporto do Cunene apresentou hoje, quarta-feira, na cidade de Ondjiva, o Prémio Nacional da Juventude, criado para estimular a capacidade inovadora e criativa dos jovens.

  • 05/09/2020 18:34:30

    Mulheres beneficiam de kits para fabrico de sabão

    Ondjiva - Vinte e cinco mulheres de 80 seleccionadas, no município do Cuanhama, província do Cunene, receberam hoje kits para o fabrico de sabão artesanal, no âmbito do Programa de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza.