Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

25 Setembro de 2020 | 17h23 - Actualizado em 25 Setembro de 2020 | 17h23

Bengo ganha nova centralidade habitacional

Caxito - A província do Bengo ganhará brevemente uma nova centralidade com mil habitações, projecto que contará com o financiamento do Israel anunciou hoje, sexta-feira, em Caxito, a secretária de Estado das Obras Públicas e Ordenamento do Território, Ana de Carvalho.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A centralidade do Bengo vai substituir o projecto habitacional da Açucareira (que previa a construção de 212 apartamentos T3), cujo lançamento da 1ª pedra aconteceu em Agosto de 2017, mas devido a falta de financiamento e do visto do Tribunal de Contas nunca foi executado.

Sem avançar a data para a sua execução, a responsável revelou à imprensa que o projecto vai comportar edifícios de três pisos, moradias geminadas e isoladas, escolas, postos médicos, centros de saúde, infantário, esquadra policial entre outros serviços sociais.

Ana de Carvalho disse que já existe um financiamento para execução do projecto habitacional no Bengo e neste momento está-se a trabalhar na identificação do novo espaço.

A delegação do Ministério das Obras Públicas e Ordenamento do Território inspeccionou três zonas urbanísticas do Porto Quipiri e Quixiquela, com 270 hectares, do Lembeca (160 hectares) e das Mabubas (300 hectares), todos no município do Dande.

Por seu turno, o vice-governador para Infra-estruturas da província do Bengo, Agostinho da Silva, considerou um ganho para a circunscrição a efectivação deste projecto habitacional, visto que muitos habitantes da região ainda se debatem com o problema da aquisição da casa própria.

Na província do Bengo existe a centralidade do Capari concebida para quatro mil fogos habitacionais do tipo T3, sendo que apenas cerca da metade encontram-se habitados.

O novo projecto habitacional prevê albergar uma população estimada em 24 mil habitantes, desenvolvendo-se numa área total de 90,5 hectares.

Assuntos Província » Bengo  

Leia também
  • 24/09/2020 18:53:17

    Marido mata esposa por razões passionais no Capari

    Caxito - Uma jovem, de 22 anos de idade, foi morta, nesta quinta-feira, na centralidade do Capari, município do Dande, província do Bengo, supostamente pelo marido, por questões passionais.

  • 22/09/2020 19:23:18

    Munícipes de Bula Atumba recebem meios de trabalho

    Caxito - Quarenta e nove pessoas, entre ex-militares e jovens vulneráveis do município do Bula Atumba, na província do Bengo, beneficiaram, esta terça-feira, de motorizadas e material de serralharia, corte e costura, visando minimizar as dificuldades que enfrentam na região.

  • 18/09/2020 15:45:12

    Miss Bengo solidariza-se com habitantes do Pango Aluquém

    Caxito - A Miss Bengo 2020, Rita dos Santos, ofereceu hoje 200 cestas básicas aos habitantes da localidade do Kita, município do Pango Aluquém, no âmbito do seu projecto de solidariedade às populações mais carenciadas.