Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Transporte

13 Junho de 2018 | 15h20 - Actualizado em 13 Junho de 2018 | 15h18

Administrador sugere criação de núcleo de mototaxistas do Rangel

Luanda - O administrador do distrito urbano do Rangel, município de Luanda, Francisco Manuel Domingos, sugeriu hoje (quarta-feira), a criação de um núcleo dos mototaxistas, para melhor organização e coordenação desta actividade de transporte de pessoas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cupapata na Vila de Viana

Foto: Cortesia de Virgínia Portuondo

Em declarações à Angop, no final do encontro com os mototaxistas, o responsável aconselhou que todos que queiram exercer este tipo de serviço, no Rangel, devem estar sincronizados em grupos para que as autoridades locais possam ter o controlo de todos os que estão a exercer o trabalho de transporte de munícipes.

O administrador defende o uso de coletes e cartões numerados que atestem o exercício desta actividade para poder prevenir a infiltração de pessoas estranhas nos pontos onde ficam os motoqueiros a espera de passageiros.

“É preciso que os motociclistas se organizem em núcleos, com identificação, para facilitar também o trabalho da Polícia Nacional, para apurar se estão habilitados ou não”, disse  Francisco Manuel Domingos.

A titulo de exemplo apontou um caso assalto ocorrido recentemente em um estabelecimento comercial no distrito em que dois motociclistas fizeram-se passar por mototaxistas, aproveitando-se da presença destes nas imediações, infiltraram-se para depois cometer o assalto.

O responsável espera que cada responsável de determinada paragem de passageiro possa indagar todos aqueles que não estiverem identificados para saber da sua proveniência, para prevenir assaltos na zona.

O distrito urbano do Rangel, conta com aproximadamente 100 motociclistas a exercerem actividade de moto-táxi, na sua maioria jovens com idades compreendidas entre os 25 aos 35 anos, vendo deste trabalho o sustento para as suas famílias.
  

Leia também
  • 05/11/2018 13:03:41

    Vandalização de comboios e linha férrea avaliada em mil milhões de kwanzas

    Luanda - Os actos de vandalismo registados, desde Janeiro até Outubro de 2018, nas composições e linha férrea do Caminho-de-Ferro de Luanda (CFL) causaram prejuízos avaliados em mil milhões de kwanzas.

  • 01/11/2018 11:59:17

    Comboios do CFL colhem mais de 20 pessoas em 10 meses

    Luanda - A negligência por parte de alguns peões está na base do atropelamento de 25 pessoas por locomotivas do Caminho de Ferro de Luanda (CFL), das quais 16 morreram no local, e nove ficaram gravemente feridas, de Janeiro a Outubro do corrente ano.

  • 19/10/2018 10:51:26

    Comboio do CFL colhe cidadã na Estalagem

    Luanda - Uma mulher foi colhida na manhã de hoje, sexta-feira, pelo comboio do Caminho-de-Ferro de Luanda (CFL) quando tentava atravessar a linha férrea no bairro da Estalagem, município de Viana, em Luanda.

  • 12/10/2018 13:06:36

    CFL aumenta número de comboios suburbanos

    Luanda - O Caminho-de-Ferro de Luanda (CFL) irá aumentar, a partir de segunda-feira próxima (dia 15), mais sete comboios suburbanos na rota estação do Bungo até a de Catete, para satisfazer os utilizadores dos transportes ferroviários.