Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Turismo

04 Agosto de 2019 | 20h59 - Actualizado em 04 Agosto de 2019 | 20h58

Governador do Bié defende restauração das áreas turísticas para atrair investidores

Cuemba - As 31 áreas turísticas da província do Bié (centro) devem ser urgentemente restauradas para atrair investidores, a fim de contribuir na arrecadação de receitas destinadas aos cofres do Estado, defendeu o governador provincial Pereira Alfredo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Falando aos jornalistas após a visita sábado às Quedas do Rio Cuemba, na companhia da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, o governante reconheceu que a região continua a carecer de investimentos que visam a alavancar o turismo.

Pereira Alfredo indicou que o governo já inscreveu, desde o ano passado, a província junto das agências de turismo do país com vista a integrar na rota do turismo nacional e internacional.

“A ideia é fazer com que haja cada vez mais melhoria das condições de vida das populações mediante a arrecadação de receitas do turismo nos municípios do Cuito, Nhârea, Andulo, Camacupa, Catabola, Chitembo, Cunhinga, Cuemba e Chinguar”, enfatizou.

Entre as áreas turísticas desta província figuram o Centro Geodésico de Angola (Camacupa), a Nascente do Rio Kwanza (Chitembo), o Centro Turístico da Chicava, Jardim da “Pouca Vergonha” (Cuito), Águas Termais do Essonda, a Gruta Paleolítica, a Gruta Dombe (Andulo), as Quedas dos rios Luando e Mutumbo (Cuemba e Chitembo) e o Songue (zona de extracção de Sal), na Nhârea.

Além destas zonas fazem também parte a área do Songongolo e a Ilha do Cutato, contando ainda com um rico subsolo com minerais como Diamantes, Ouro, Ferro, Quartzo Hiliano, Pigmatite, Magnetite, Hematite, Micas brancas, Alumínios, Burgau e Latrite, que carecem de investimento “sério” quer da parte do sector empresarial público, quer do privado.

A província do Bié possui uma extensão territorial de 70 mil e 314 quilómetros quadrados e um milhão, 455 mil e 255 habitantes, distribuídos em nove municípios, na sua maioria camponeses.

Assuntos Província » Bié   Turismo  

Leia também
  • 28/07/2019 15:40:31

    Bié: Turistas sugerem construção de "Zoológicos" em Angola

    Cuito- Turistas de diversas nacionalidades, integrantes do comboio turístico sul-africano de luxo"Rovos Rail", proveniente da Zâmbia, sugeriram hoje, domingo no Cuito (Bié), ao governo Angolano, apostar na construção de parques zoológicos para o maior controlo da Palanca Negra Gigante, e de outras espécies .

  • 27/07/2019 16:48:56

    Moxico: Guia do comboio ?Rovos Rail? garante divulgar imagem da Angola

    Luena - O guia do comboio luxuoso sul-africano ?Rovos Rail?, Nicholas Schofield, garantiu hoje, sábado, no Luena, província do Moxico, divulgar a natureza, cultura, hábitos, costumes, monumentos e sítios históricos visitados durante a passagem de turismo realizada no país.

  • 27/07/2019 14:23:19

    Proprietário do Comboio turístico de luxo quer recuperação do Parque da Cameia

    Luena - O proprietário do comboio turístico sul-africano de luxo, Rohan Vos, sugeriu ao governo da província do Moxico a apostar na recuperação do Parque Nacional da Cameia, para proporcionar mais negócios que contribuem para o desenvolvimento da região.