Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Turismo

25 Setembro de 2020 | 09h43 - Actualizado em 25 Setembro de 2020 | 09h58

Menongue forma primeiros guias turísticos

Menongue - O fomento do ecoturismo na província do Cuando-Cubango esteve na base de uma formação de guias turísticos, cujo encerramento teve lugar esta quinta-feira, na cidade de Menongue.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Memorial da batalha do Cuito Cuanavale

Foto: Gaspar dos Santos

A formação, que durou quatro dias, contou com 35 participantes, de ambos os sexos, numa iniciativa da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Cuando- Cubango, afecta à Universidade Cuito Cuanavale.

O projecto de capacitação de guias turísticos ou agentes comunitários do turismo da Ilha do Leapeka, comuna do Missombo, município de Menongue, muito frequentada por turistas nacionais e estrangeiros, está alinhado com o eixo estratégico do Governo de Angola, que considera o turismo um sector alternativo para a diversificação e crescimento económico.

Um dos principais postais turísticos de Menongue, Leapeka dista a 21 quilómetros do centro da capital provincial, num espaço onde corre o rio rio Kuebe e estão implantadas pedras atractivas, com uma cascata única na zona.

A Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Cuando-Cubango, afecta à Universidade Cuito Cuanavale, que funciona desde 2014, conta com docentes angolanos e cubanos, e já formou mais de 120 técnicos superiores do ramo.

A província do Cuando-Cubango tem enormes potencialidades turísticas, ainda inexploradas, que assentam, fundamentalmente, na fauna e na flora, bem como no seu património histórico-cultural.

Com uma superfície de 199.049 quilómetros quadrados, a província tem boa parte do seu território coberto por parques nacionais e reservas ambientais, principalmente localizadas no leste e no sul, somando 22.610 quilómetros quadrados.

No seu território, destacam-se as seguintes áreas de protecção: Parque Nacional do Luengué, Parque Nacional de Luiana, Parque Nacional do Longa-Mavinga e Parque Nacional do Mucusso, todas elas integrantes da Área de Conservação Transfronteiriça Cubango-Zambeze.

Leia também
  • 22/09/2020 15:39:32

    Covid-19: Saúde Pública quer hoteleiros mais rigorosos

    Lubango - O porta-voz do departamento provincial de Saúde Pública e Controlo de Endemias da Huíla, Jeremias Kayeye, exortou hoje, terça-feira, no Lubango, aos agentes hoteleiros, a serem mais rigorosos no cumprimento das medidas de biossegurança, nos seus estabelecimentos face à Covid-19.

  • 18/09/2020 18:58:24

    Covid-19 limita "Amigos da Picada"

    Lobito - Alguns hospitais de Luanda e de outras províncias do país deixaram de receber as habituais ?sopas solidárias? da Associação de Motociclistas ?Amigos da Picada?, devido as limitações de circulação impostas pela pandemia da Covid-19.

  • 05/09/2020 16:58:42

    Angola apresenta potencial turístico em Beijing

    Beijing - O potencial turístico que o país oferece foi apresentado hoje, em Beijing, durante a abertura da Feira Internacional da cidade, pelo Embaixador de Angola na China, João Salvador dos Santos Neto.