Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Discursos dos Presidentes » Discurso pronunciado na província do Moxico

Discurso pronunciado na província do Moxico

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

13/08/2012 - Discurso pronunciado por sua excelência José Eduardo dos Santos, Presidente do MPLA, na província do Moxico.

CAROS AMIGOS,
ESTIMADOS COMPATRIOTAS,

Hoje é um dia histórico para a província do Moxico. O comboio do Caminho-de-Ferro de Benguela começa a circular regularmente entre Benguela e o Luena, transportando passageiros e carga diversa, incluindo mercadorias e combustível.
 
É um grande alívio para o nosso povo, que sofreu bastante com a paralisação desta via de comunicação.
 
Peço um forte aplauso de agradecimento aos trabalhadores, aos operadores de desminagem e aos técnicos nacionais e estrangeiros que realizaram esta grandiosa obra.
 
O Caminho-de-Ferro de Benguela foi sempre uma empresa civil que prestou serviço útil e insubstituível à população dos municípios, comunas e aldeias ao longo da linha em quatro províncias.
 
Mesmo assim, esta infra-estrutura não foi poupada por forças da oposição no passado recente. Arrasaram tudo e não se preocuparam com ninguém.
 
Gastamos aqui avultadas somas de dinheiro para reconstituir a via, mais de dois mil milhões de dólares, que poderiam servir para produzir mais água, energia e construir mais escolas e hospitais para o nosso povo! Hoje dizem que estão preocupados com a pobreza e as dificuldades dos cidadãos e que eles podem resolver os problemas do povo melhor do que o Governo do MPLA!
 
Aqui no Moxico, conquistada a paz em 2002, e apesar das enormes dificuldades de acesso aos municípios e comunas por causa da degradação das estradas e da falta de pontes, foi feito um sério esforço na resolução dos problemas básicos da população.
 
Em pouco tempo foram restabelecidas as ligações com todas as sedes municipais e comunais, construíram-se pontes e começaram a desenvolver-se acções para o combate à fome e à pobreza e para a melhoria e reforço das instituições do Estado.
 
Criaram-se igualmente estabelecimentos de ensino e centros de saúde, melhorou-se o fornecimento de água potável e de energia eléctrica e relançou-se a produção agrícola, pecuária e piscícola.
 
Neste momento estamos a concluir a reabilitação dos aeroportos do Luena, Saurimo e Dundo.
 
Estamos igualmente a reconstruir as estradas que ligam Malanje à Lunda Norte, Lunda Sul e Moxico e o nosso objectivo é acabar com o isolamento de todas as províncias do Leste do país e eliminar as assimetrias regionais.
 
Estamos deste modo a criar as condições para garantir a livre circulação de pessoas, mercadorias e meios de pagamento e a instalação de agentes económicos, de instalações financeiras, bancárias e administrativas, com vista a reduzir os custos e fazer aproximar os preços dos bens e serviços aos preços praticados no litoral do país.
 
As províncias do Leste do país podem dar um salto qualitativo em todos os domínios nos próximos anos.
 
Basta apenas trabalhar um pouco mais, acreditar e continuar a confiar no MPLA.
 
O MPLA conta com o voto de todos os eleitores no dia 31 de Agosto próximo. Será que pode contar? Então mãos à obra! Queremos a vitória absoluta!
 
CAROS COMPATRIOTAS,
 
Quando olhamos para o que está a acontecer em todo o mundo, vemos que a grande maioria dos países ainda não superou a grave crise económica iniciada em 2008.
 
Angola, pelo contrário, deixou a crise para trás e hoje o seu ritmo de crescimento já é maior do que a média mundial.
 
Esta é a prova de que temos um rumo, temos um projecto e vamos cumpri-lo.
 
Com o MPLA podem ter a certeza de que Angola vão ‘Crescer Mais e Distribuir Melhor’!
 
Sei que a espera por esta Angola que vai crescer mais e distribuir melhor foi longa, mas de uma coisa podem estar certos: agora que vencemos a etapa mais difícil de reconstrução do nosso país, os novos avanços serão muito mais rápidos.
 
Estamos prontos a levar o bem-estar e a felicidade ao lar de todos os angolanos.
 
Portanto, quando falamos em crescer mais e distribuir melhor estamos a falar de tudo o que é importante para que os angolanos tenham uma vida mais digna e feliz.
 
Ou seja: casa própria, educação, saúde, energia e água potável, entre muitos outros benefícios.
 
São estas as principais prioridades para o próximo mandato.
 
Esta é a mensagem que tenho levado a toda Nação. E hoje constato, com emoção e gratidão, que esse projecto está a receber um apoio maciço dos angolanos.
 
Este apoio faz crescer a certeza de que estamos realmente juntos nesta caminhada que vai fazer de Angola um país mais justo, feliz e próspero.
 
O meu muito obrigado a todos, na convicção de que a luta continua e de que o povo dará a vitória ao MPLA no dia 31 de Agosto.
 
VIVA O MPLA!
A LUTA CONTINUA!
A VITÓRIA É CERTA!