Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

24 Janeiro de 2020 | 15h39 - Actualizado em 24 Janeiro de 2020 | 15h39

Pelo menos 21 pessoas morreram vítimas de fortes chuvas em Madagáscar

Antananarivo - Pelo menos 21 pessoas morreram, outras 20 estão dadas como desaparecidas e mais de 89 mil foram afectadas por chuvas torrenciais e deslizamento de terras em Madagáscar esta semana, segundo o último balanço das autoridades malgaxes.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Mapa do Madagáscar

Foto: Divulgação

As comunidades de Mitsinjo, na região de Boeny, e Maevatanana, na região de Betsiboka, foram as mais afectadas, de acordo com o Gabinete Nacional de Gestão de Riscos e das Catástrofes (BNGRC, na sigla em francês), citada pela Associated Press.

A população malgaxe enfrenta agora a fome e a escalada dos preços dos alimentos, em consequência do alagamento dos campos de arroz em muitos dos distritos que constituem o celeiro daquele país do Índico, segundo a mesma fonte.

Cerca de 10 mil habitações ficaram inundadas no norte do país. As forças armadas de Madagáscar foram deslocadas para apoiar na evacuação da população particularmente vulnerável à subida das águas, indicou o BNGRC.

As principais estradas no norte do país encontram-se cortadas em vários locais, deixando algumas aldeias isoladas.

As previsões meteorológicas apontam para um abrandamento das chuvas durante o dia de hoje, mas a sua continuação durante a próxima semana.

Assuntos Madagáscar  

Leia também