Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

17 Abril de 2019 | 17h35 - Actualizado em 17 Abril de 2019 | 17h35

País evolui na execução da despesa pública

Luanda - Angola tem estado a evoluir em termos de execução da despesa pública, porque há sinais de melhoria comparando com o passado, afirmou hoje o consultor do Ministério das Finanças, Nteka Panzo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Edifício sede do Ministério das Finanças, principal gestor das finanças públicas

Foto: Pedro Parente

O técnico sustentou a sua afirmação dizendo que hoje alguns gestores públicos já têm mais cautela na gestão do orçamento e na contratação, pois “já não se contrata como antigamente”.

Nteka Panzo disse que hoje existem novos mecanismos que os gestores observam para contratar algum serviço e há mais disciplina da parte dos que administram a coisa pública.

Hoje estamos a caminhar bem, sublinhou o consultor, realçando que mesmo os países muito avançados não deixam de levantar questões à volta dos mecanismos de controlo.

Segundo o especialista, embora se esteja a caminhar bem não deva de haver acomodação, “porque os infractores têm tendência de desviar-se. Eles estudam os mecanismos de controlo para ver até que ponto conseguem ultrapassar as barreiras e cometer uma fraude”.

Por isso, prosseguiu a fonte, temos a necessidade permanente de avaliar o nosso próprio mecanismo de controlo para ver se ainda continua a responder aos desafios do momento e caso tenham alguma insuficiência temos que corrigir para ver se mantemo-lo a corresponder às nossas necessidades.

Falando à imprensa, à margem do Workshop sobre “Gestão da despesa pública” , realizado pelo Ministério das Finanças, Nteka Panzo, considerou a “transformação da velha para uma nova Angola já dá sinais de melhoria em termos de execução da despesa pública, diversificando a economia nacional no quadro da Contratação Pública.

Contando sua experiência como controlador, disse que  no primeiro contacto com os gestores observou algumas situações que hoje estão corrigidas. É o dos contratos fora de vigência mas que continuavam a ser pagos.

A contratação pública é um instrumento que garante a eficiência e eficácia na gestão do orçamento público.

O consultor Nteka Panzo é também coordenador do grupo de trabalho de controladores financeiros.

Assuntos Economia  

Leia também
  • 18/04/2019 11:00:23

    Barril do Brent abre em baixa de 0,05% em Londres

    Londres - O barril de petróleo Brent para entrega em Junho começou a ser negociado, nesta quinta-feira, em baixa, no mercado de futuros de Londres, cotado a 71,58 dólares norte-americanos, uma variação de 0,05% em relação ao fechamento da sessão anterior.

  • 17/04/2019 19:18:38

    Despesa pública ainda regista irregularidades

    Luanda - O consultor do Ministério das Finanças e coordenador do grupo de trabalho de controladores financeiros, Panzo Nteka, disse esta quarta-feira, em Luanda, que a gestão da despesa pública ainda regista irregularidades de "todo tipo", apesar dos esforços envidados.

  • 17/04/2019 18:51:23

    Angola Cable lança Data Center no Brasil

    Luanda - A Angola Cables, multinacional de telecomunicações, pôs hoje em operação o seu data center neutro designado “Angonap Fortaleza Tier III”, em Fortaleza, República Federativa do Brasil.

  • 17/04/2019 18:05:07

    FMI recomenda melhoria do processo da despesa

    Luanda - O Fundo Monetário Internacional (FMI), no quadro da assistência técnica prestada à República de Angola, recomendou a melhoria do processo de execução do Orçamento Geral do Estado (OGE), controlo das etapas da despesa pública e dos procedimentos de compras, apesar dos esforços envidados pelo Governo, informou hoje o consultor da instituição, Claudiano Alburquerque.