Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

09 Julho de 2019 | 17h14 - Actualizado em 09 Julho de 2019 | 17h55

Angola participa da 6ª reunião de ministros da ADPA em Windhoek

Luanda - Uma delegação angolana chefiada pelo Secretário de Estado para Geologia e Minas, Jânio Corrêa Víctor, participa hoje, em Windhoek (República da Namíbia), na 6ª reunião do Conselho de Ministros da Associação dos Países Africanos Produtores de Diamantes (ADPA).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

 A delegação, que integra responsáveis do Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos e da Comissão Nacional do Processo Kimberley, analisará com os outros membros da ADPA o “Relatório das actividades do Secretariado Executivo da organização, relativo aos últimos dois anos, Cronograma das actividades para o período 2019-2020, e Relatório financeiro da associação sobre o exercício financeiro de 2017”.

De igual modo, será analisado o “Orçamento da ADPA para o período de Junho 2019 a Junho de 2020, Declaração sobre a proposta da nova definição de diamantes de conflito,  Proposta de declaração da ADPA sobre os diamantes sintéticos, e Proposta de criação da Bolsa Africana de Diamantes.

A Associação dos Países Africanos Produtores de Diamantes (ADPA) foi proclamada a 4 de Novembro de 2006, em Luanda (República de Angola), por iniciativa  de Angola. A intenção da proclamação da organiuzação era de dar ao continente africano um papel influenciador nas políticas sobre a produção mundial de diamantes.

Até a data eram relatores a África do Sul e República da Guiné Conakry e membros efectivos da organização Angola, África do Sul, Botswana, Ghana, Guiné Conakry, Namíbia, RCA, RD Congo, Serra Leoa,Tanzânia, Togo e Zimbabwe. As Repúblicas da Argélia, Congo, Côte D'Ivoire, Gabão, Libéria, Mali e Mauritânia membros observadores da Associação dos Países

Assuntos Diamantes   Economia  

Leia também
  • 09/07/2019 15:24:19

    Governo trabalha para auto-suficiência da produção interna

    Luanda - O ministro de Estado da Coordenação Económica, Manuel Nunes Júnior, afirmou hoje, em Luanda, que o Executivo está a implementar medidas para que a produção nacional atinja níveis de auto-suficiência nos próximos anos.

  • 09/07/2019 12:55:26

    Ministro de Estado inaugura FILDA 2019

    Luanda - A 35ª edição da Feira Internacional de Luanda (FILDA) abriu há instantes as portas, na Zona Económica Especial (ZEE) Luanda/Bengo, depois do corte simbólico da fita pelo ministro de Estado da coordenação Económica, Manuel Nunes Júnior.

  • 09/07/2019 11:28:06

    Angolanos necessitam de mais formação sobre economia digital

    Luanda - Angola precisa apostar mais na educação digital para consumidores e na criação de infra-estruturas sólidas para ter melhores rendimentos, afirmou nesta segunda-feira, em Luanda, a secretária executiva da empresa BayQi, Fátima Almeida.