Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

14 Outubro de 2019 | 16h09 - Actualizado em 14 Outubro de 2019 | 16h09

Diversificação da economia depende dos agentes económicos

Luanda - A diversificação da economia, para promoção das exportações e a conquista de novos mercados, depende em grande medida do trabalho dos agentes e dos adidos económicos, declarou hoje, em Luanda, o director nacional do Comércio Externo, Lokonde Luansi.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O responsável, que falava à imprensa, à margem de um seminário de capacitação sobre Análise de Mercados Internacionais, disse ser fundamental o país ter três instrumentos que permitam uma abordagem pormenorizada para o acesso aos mercados, sendo o primeiro o Mapa Comercial.

Explicou que o Mapa Comercial permite analisar os preços dos principais mercados internacionais e fazer uma pesquisa de como está o mercado nacional.

Sobre o mercado nacional, disse que um estudo baseado no Mapa Comercial pesquisa e analisa como e quais os produtos angolanos que devem ser internacionalizados e a que preços.

De acordo com o director, o segundo instrumento é aquele de acesso ao mercado propriamente dito, com análises de determinados mercados, seus fluxos comerciais, baseando-se nas informações estatísticas fornecidas, para servir de aconselhamento do Ministério do Comércio, no âmbito da promoção e diversificação da economia.

O terceiro instrumento está directamente ligado ao comércio externo, com a criação da unidade de reconciliação de dados, que vai desenvolver mecanismos para mitigar o branqueamento de capitais, através dos canais de importação e exportação.

A formação sobre Análise de Mercados Internacionais enquadra-se no Projecto de Apoio e Assistência Técnica e Fortalecimento Institucional ao Ministério do Comércio (ACOM) e os especialistas do Centro Internacional do Comércio (ITC) em articulação com o financiamento da União Europeia.

O objectivo é fornecer aos participantes as funcionalidades das Ferramentas de Análise de Mercado do Centro Internacional do Comércio (ITC), com especial destaque para o Mapa de Comércio, Mapa de Acesso ao Mercado e Mapa de Avaliação do Potencial de Exportação, de maneira a treinar os técnicos do sector público e empresarial em técnicas de realização de um estudo de mercado baseando-se em dados e informações fornecidas por essas plataformas.


 

Assuntos Comércio   Economia  

Leia também
  • 13/10/2019 05:24:14

    Constituída Câmara do Comércio e Indústria Angola/Zâmbia

    Luanda - Empresários de Angola e Zâmbia passam a contar com os auspícios de uma Câmara de Comércio e Indústria, constituída sábado, em Luanda, em cerimônia testemunhada pelos embaixadores dos dois países.

  • 11/10/2019 17:30:26

    Ministro visita ANPG e aborda situação do petróleo e gás

    Luanda - O ministro dos Recursos Minerais e Petróleos, Diamantino Azevedo, abordou esta sexta-feira, em Luanda, questões sobre a exploração de petróleo e gás no país, durante a sua primeira visita à Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANPG), criada a 06 de Fevereiro deste ano.

  • 11/10/2019 13:54:46

    Receitas de multas aos agentes comerciais crescem 30%

    Luanda - Pelo menos 158 milhões e 841 mil kwanzas foram arrecadados de Janeiro a Setembro deste ano, pela direcção de inspecção do Comércio, resultantes da aplicação de multas aos agentes comerciais infractores.