Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

21 Outubro de 2019 | 18h23 - Actualizado em 21 Outubro de 2019 | 18h23

Disponíveis 414 mil hectares para época agrícola 2019/20

Huambo - Quatrocentos e 14 mil hectares de terras estão a ser preparados, na província do Huambo, para época agrícola 2019/2020, contra os 381 mil que estavam disponíveis na campanha anterior, informou hoje, segunda-feira, o chefe de departamento do Instituto de Desenvolvimento Agrário (IDA), nesta região, Victorino Chonguela.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à imprensa, por ocasião da abertura da campanha agrícola 2019/2020, decorrida hoje na aldeia de Essucula, município do Ecunha, sob orientação da governadora da província do Huambo, Joana Lina, referiu o que aumento da área de produção agrícola, estimado em 2,5 porcento, enquadra-se na estratégia da criação de condições para o aumento da produtividade.

Segundo o responsável, espera-se uma colheita na ordem de um milhão e 148 mil toneladas de produtos diversos, com objectivo de superar a produção da campanha anterior de milhão e 115 mil toneladas.

Para além das culturas tradicionais (milho, feijão, hortícolas, batata rena e doce), na presente campanha será introduzido o cultivo do massango e o aumento da produção da mandioca e da banana, assim como de outros produtos, para fazer face aos desafias da diversificação da produtividade, para o reforço da sustentabilidade das famílias.

Estas áreas de cultivo, de acordo com Victorino Chonguela, estão a ser preparadas na vertente da mecanização agrícola, tracção animal e, de forma manual, incluindo a aplicação do calcário dolomítico, para a correcção da acidez do solo e recuperar os níveis de fertilidade.

O responsável do IDA disse que o Governo da província está a trabalhar na aquisição de quantidade de  insumos necessários, com uma previsão de três mil toneladas de adubo orgânico 12-24-12, 550 de semente de milho, dez mil unidades de charruas,  entre outros meios de apoio aos agricultores, para o desenvolvimento condigno das suas actividades.

Desta cifra, salientou, as autoridades já dispõem de mil e 896 toneladas de adubos 12-24-12, 155 toneladas de semente de milho e 1500 unidades de charruas, prevendo contar com o envolvimento de 247 mil e 181 famílias, na sua maioria organizadas em  936 associações e 293 cooperativas, a nível dos 11 municípios, onde perto de 13 mil serão apoiadas, de forma directa, com a distribuição de insumos, nove mil, através do IDA, e outras duas mil pelo Projecto de Agricultura Familiar e Comercialização (MOSAP II).

Victorino Chonguela disse que as famílias camponesas devem igualmente beneficiar de apoio técnico, como forma de incentiva-las a aumentar os níveis de produção, através do MOSAP II, a partir das escolas de campo, bem como pela  Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

Na ocasião, a governadora Joana Lina, disse que o sector da agricultura familiar desempenha um papel importante para o bem-estar da comunidade, por englobar maior número da população, daí a razão de continuar a merecer uma atenção especial, tal como a empresarial, para dinamizar o processo de diversificação da economia nacional.

A província do Huambo, planalto central de Angola, possui uma população de dois milhões, 519 mil e 309 habitantes, na sua maioria camponeses,  que faz das potencialidades agro-pecuárias, a principal fonte de rendimento.

Os 317 camponeses organizados em cooperativas, que vivem na aldeia do Essucula beneficiaram, por ocasião da abertura do ano agrícola, 123 toneladas de adubos,   60 de ureia,   nove de semente de milho, 60 unidades de charrua, o igual número de juntas de bois, para tracção animal, 35 carrinhas e 620 enxadas e catanas.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 18/10/2019 15:39:36

    Angola atrasa-se na implementação do APSA

    Huambo - Angola regista um ligeiro atraso na implementação do Programa de Produtividade Agrícola para a África Austral (APSA), apesar do Banco Mundial já ter disponibilizado para o efeito um crédito de 25 milhões de dólares norte-americanos.

  • 18/10/2019 11:47:00

    Repovoamento florestal arranca na próxima semana

    Huambo - Trinta e seis mil árvores diversas, entre cedros, pinheiros, eucaliptos e casuarinas, começam a ser plantadas segunda-feira em diversos lugares da província do Huambo, no cumprimento do programa de repovoamento florestal.

  • 15/10/2019 16:32:05

    EDA distribui 330 toneladas de fertilizantes no município da Caála

    Caála - Trezentas e trinta toneladas de fertilizantes começaram a ser distribuídas hoje, terça-feira, a seis mil e 600 famílias camponesas do município da Caála, província do Huambo, pela Estação de Desenvolvimento Agrário (EDA) desta circunscrição, com objectivo de incentivar o alargamento das áreas de cultivo.