Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

23 Maio de 2020 | 16h42 - Actualizado em 23 Maio de 2020 | 16h42

Governo cria "task force" para fomentar agricultura na província

Luena - Um projecto denominado "Task force", para ajudar 15 produtores habilitados a ter acesso ao crédito no âmbito do Programa de Apoio ao Crédito (PAC), foi criado no princípio deste ano pelo governo do Moxico, para viabilizar projectos a nível da província.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Moxico: Director do Gabinete Provincial de Desenvolvimento Económico e Integrado, Guimarães Pinto Luís Director

Foto: David Dias

Segundo o director do Gabinete Provincial de Desenvolvimento Económico e Integrado, Guimarães Pinto Luís, que falava hoje à imprensa, o Task force integra o Gabinete de Desenvolvimento Económico e Integrado, a Inspecção Geral do Trabalho (IGT), Instituto Nacional de Apoio a Micro, Pequenas e Médias Empresas (INAPEM), Delegação das Finanças e da Justiça.

Explicou que o “Task force”, auxilia na tramitação documental ou legalização, envio de documentos aos bancos para o financiando, e posterior monitoramento dos resultados de produção e venda dos produtos.

Referiu que a cerca sanitária que a província cumpre em obediência ao Estado de Emergência decretado no país impossibilitou a vinda de uma equipa de consultores do Ministério do Comércio, que iria ajudar os 15 produtores a elaborar os projectos.

Guimarães Pinto Luís disse que os processos dos produtores seleccionados no PAC já se encontram nas dependências bancárias, faltando apenas a cedência do crédito no valor de 50 milhões de kwanzas para cada requerente.

Informou que outros mil produtores da província mostraram-se interessados em aderir ao PAC, mas a falta de uma contabilidade organizada, títulos de concessão de terra, estudos de viabilidade económica e financeira dos projectos, impossibilitaram a sua aprovação.

O director do gabinete provincial de Desenvolvimento Económico e Integrado anunciou, por outro lado, que o Banco BAI e Banco BIC apresentaram um pacote atractivo para cedência de crédito ao sector agrícola no Moxico.

No Moxico, o PAC será financiado pelo  BAI, BIC, BCI, BNI,BFA e Millenium.

O PAC é uma iniciativa que visa facilitar o acesso ao crédito aos produtores que se queiram dedicar à produção de 54 bens seleccionados pelo Governo, para reduzir de forma drástica as importações.

Leia também
  • 23/05/2020 11:19:29

    Malanje regista baixa na pesca artesanal

    Malanje - Por conta da escassez de meios de pesca, como embarcações, anzóis e redes, apenas 17 toneladas de pescado foram capturadas pelas cooperativas artesanais de Malanje, durante o I trimestre deste ano, menos 26 toneladas em relação ao mesmo período de 2019.

  • 22/05/2020 21:48:17

    PIIM na Lunda Sul abrange 40 projectos

    Saurimo - Quarenta projectos dos sectores da Educação, Saúde, Saneamento básico, Energia e Águas, Obras Públicas e Segurança, estão inscritos para execução no Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM) da província da Lunda Sul.

  • 22/05/2020 16:46:14

    Camponeses colhem toneladas de bens agrícolas em Cambambe

    Dondo - Cinquenta e quatro mil e 754 toneladas de produtos diversos foram colhidos, na segunda época do ano agrícola 2019/2020, pelos camponeses do município de Cambambe, província do Cuanza Norte.