Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

22 Janeiro de 2020 | 16h34 - Actualizado em 22 Janeiro de 2020 | 16h31

Concorrência reduz procura pelo ensino superior público

Mbanza Kongo - Oitocentos e sete candidatos estão inscritos, este ano, para concorrerem as 325 vagas de ingresso na Escola Superior Politécnica do Zaire, em Mbanza Kongo, menos 235 listados que o ano lectivo anterior, fruto do surgimento de uma instituição privada de ensino superior no município.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zaire: João Mateus Marciano-Decano da ESPZ em Mbanza Kongo

Foto: Pedro Moniz Vidal

Em declarações hoje (quarta-feira), à Angop, o decano desta instituição afecta à Universidade Pública "11 de Novembro", fazia referência ao Instituto Superior Politécnico Privado do Zaire (ISPPZ), que neste ano zero vai absorver quatro mil e 500 estudantes.

Os estudantes vão frequentar cursos de Gestão e Administração de Empresas, Contabilidade e Finanças, Gestão de Recursos Humanos, Economia, Psicologia, Direito, Engenharia Electrónica, Telecomunicações e Psicologia (Clínica, de Trabalho, Escolar e Criminal).

Sobre o processo de inscrições, o decano João Mateus Marciano disse ter decorrido de 2 a 15 deste mês de Janeiro, ao passo que os exames de ingresso tiveram início no dia 20 do corrente.

Explicou estar disponível um sistema centralizado e automático, na reitoria da Universidade 11 de Novembro, com sede em Cabinda, para a correcção das provas dos exames de acesso que também são elaborados a este nível.

Quanto ao corpo docente, o gestor escusou-se a avançar o número total de professores a contar este ano, mas informou que a escola terá menos docentes expatriados (cubanos), passando de 21 para 14 devido a contenção financeira.

Assegurou que a redução será compensada com professores colaboradores e com a admissão de dois novos docentes, por via de um concurso público interno, para o preenchimento de vacaturas.

"Fizemos o reescalonamento e redistribuição das cadeiras para o universo dos professores que contaremos”, disse, adiantando que a instituição está focada na formação pós-graduada e especialização dos seus docentes, para contrapor a ausência de especialistas estrangeiros.

Reiterou a falta de espaço adequado para a montagem dos equipamentos dos laboratórios de Física e Química disponíveis há cerca de seis anos, frisando que os reagentes e alguns materiais em desuso encontram-se já expirados e obsoletos.

Explicou que, na falta de um espaço adequado, a direcção da instituição adaptou, numa sala, os dois laboratórios, para que os estudantes da opção de Física e Química não fiquem sem as práticas laboratoriais.

Lamentou a paralisação das obras da construção do edifício dos laboratórios, na zona adjacente, situação que se alastra há cerca de quatro anos.

João Mateus Marciano reiterou a necessidade da mudança de estatuto desta escola para Instituto Superior Politécnico, de modo a permitir a diversificação das áreas de formação, frisando que este dossiê ainda corre os seus trâmites a nível do Ministério de tutela.

Aberta em 2010, a Escola Superior Politécnica do Zaire em Mbanza Kongo já lançou no mercado de trabalho cerca de 474 licenciados em ensino de Física, Química, Matemática, Psicologia e Gestão de Empresas.

A instituição está inserida na terceira região académica, que inclui o Instituto Superior Politécnico do Soyo, e ministra cursos nas áreas das engenharias.

Leia também
  • 21/01/2020 04:54:00

    Zaire: Mais de 100 formadores das ZIP em seminário

    Mbanza Kongo - Cento e 36 professores provenientes das províncias do Zaire, Bengo e Uíge, participam desde segunda-feira, em Mbanza Kongo, na segunda etapa da formação de formadores das Zonas de Influências Pedagógicas (ZIP), no âmbito do Programa de Aprendizagem (PAT), implemantado pelo Ministério da Educação.

  • 16/01/2020 17:52:03

    Mais de trinta mil inscritos para exames na UAN

    Luanda - Trinta mil 340 candidatos estão inscritos para os exames de acesso aos 44 cursos de graduação e oito de bacharelato para formação de professores do ensino técnico-profissional na Universidade Agostinho Neto (UAN).

  • 07/01/2020 10:40:15

    Escola Superior Politécnica do Zaire com fraca adesão de candidatos

    M'banza Kongo - As inscrições para o ingresso na Escola Superior Politécnica do Zaire, em M'banza Kongo, abertas na última quinta-feira (2), registaram até hoje (terça-feira) apenas 20 candidaturas.