Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

01 Novembro de 2019 | 16h31 - Actualizado em 01 Novembro de 2019 | 16h31

Horizonte exibe-se nos Dias dos Finados e Independência

Luanda - A companhia de artes Horizonte Njinga Mbandi inicia hoje (sexta-feira), em Luanda, uma serie de exibições para marcar o Dia dos Finados (2) e o da Independência Nacional (11), no auditório com o mesmo nome.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Grupo Teatral Horizonte Njinga Mbandi (Arquivo)

Foto: António Escrivão

Para marcar o Dia dos Finados será exibida a peça “Condolências”, em estreia hoje às 20h, Sábado e Domingo, em duas sessões, a primeira às 19h e a segunda com inicio às 21h, no auditório Njinga Mbandi,

Nos dias oito, nove e 10 deste mês, serão exibidas as peças “ Segredo da cama”, já exibida, enquanto para o Dia da  Independência será exibida a peça “ O culpado”, também já vista pelo público.

Em declarações à Angop, o director do grupo Adelino Caracol deu a conhecer que a peça “Condolências”, em estreia, aborda a história de um indivíduo que recebe a notícia da morte do marido de uma senhora de quem ele gostava, e o homem toma a iniciativa de comprar o caixão, marcar o lugar no cemitério, mas chegando na residência do suposto morto encontra este vivo.

Segundo Adelino Caracol, esta situação gera uma enorme confusão na família, que acusa o homem apaixonado de feiticeiro, criando um conflito, onde alguns propõem fazer justiça por mãos próprias, enquanto outros apelam à prudência.

Responsável informou que apesar da peça ser uma comédia, foi escrita no sentido de criar momentos de reflexão para aqueles que vivem o Dia dos Finados com alguma nostalgia.   

O também encenador deu a conhecer que participam na peça seis actores, nomeadamente, David Enoque, José Galiano, Jeremias Caracol, Francisco Almeida, Rafaela Jeovete e Catarina André.

As três peças a serem exibidas enquadram-se também nas celebrações dos 33 anos de existência do grupo Horizonte Njinga Mbandi  criado no dia oito de Outubro de 1986.

   

     

Assuntos Província » Luanda   Teatro  

Leia também
  • 30/10/2019 19:23:29

    Brigada dos Artistas Plásticos sugere criação de museu

    Luanda - O coordenador da Brigada Jovem dos Artistas Plásticos (BJAP), Adão Mussungo, sugeriu hoje (quarta-feira) em Luanda, a construção de um museu que acolha as obras que retractam a história da capital angolana e que proteja os artigos e as memórias produzidas antes e depois da independência.

  • 24/10/2019 17:52:11

    Grupo teatral Amor a Arte realiza palestras

    Luanda - A directora do grupo teatral Amor a Arte, Mariza Francisco Júlio, realiza nos dias 27 e 29 de outubro, palestras sob o tema ? Nem só de beijos e abraços sobrevive o lar ?na Igreja Católica, no distrito do Golf 1, Kilamba Kiaxi, e no Centro Cultural Português, Ingombota.

  • 24/10/2019 07:09:34

    Sementes D'artes exibe "Na paragem do destino"

    Caxito - A Companhia Sementes D'artes exibe nesta quinta-feira e no domingo, no cine teatro Caxito, província do Bengo, a peça teatral "Na paragem do destino".