Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

30 Outubro de 2019 | 19h23 - Actualizado em 30 Outubro de 2019 | 19h22

Brigada dos Artistas Plásticos sugere criação de museu

Luanda - O coordenador da Brigada Jovem dos Artistas Plásticos (BJAP), Adão Mussungo, sugeriu hoje (quarta-feira) em Luanda, a construção de um museu que acolha as obras que retractam a história da capital angolana e que proteja os artigos e as memórias produzidas antes e depois da independência.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Artes plásticas (Arquivo)

Foto: Angop

Em declarações à Angop, Adão Mussungo, disse que este espaço seria uma referência,onde as pessoas poderiam deslocar-se para adquirir conhecimentos da historia de Luanda, participar em palestras, realizar outros eventos para rentabilizar o espaço, e servir ainda de cartão postal da cidade. 

 O coordenador da BJAP informou que esta sugestão já foi apresentada este ano durante um encontro realizado com o governador  de Luanda Sérgio Rescova e espera que a proposta seja levada em conta.

O entrevistado explicou que levou a proposta ao GPL porque a história da cultura de Luanda está a perder-se,” os grandes mestres estão a partir e hoje usam-se técnicas modernas para produção de peças de artes”. Quem vai retractar onde começou a história destes percursores, questionou.

O coordenador referiu que no local poder-se-iam contar histórias de todos aqueles que, de uma forma ou de outra, contribuíram para o surgimento e o desenvolvimento das artes plásticas, musica, literatura, escultura, dança, desenho e outras que compõem o mosaico cultural.

O artista plástico lembrou que a cultura feita em Luanda é muito rica, fruto da mistura dos vários povos que compõem Angola.

Esta cultura precisa de ser documentada e divulgada, possibilitando os mais jovens a conhecer com detalhes a história dos grandes percursores da cultura.

Na opinião de Adão Mussungo, fala-se pouco dos músicos do tempo colonial por exemplo,  assim como dos escultores ou pintores, questionando-se se estes não existiam antes de 1975.

Adão Mussungo é membro da Brigada Jovem do Artistas Plásticos(BJAP) há mais de 20 anos. A BJAP com mais de 200 associados tem como objectivo principal recrutar, apoiar e orientar novos talentos.

Leia também
  • 26/10/2019 16:49:50

    Cenas do quotidiano retratadas em exposição

    Luanda - Trinta pinturas, de artistas plásticos nacionais, que retratam o quotidiano social e da cultura de Angola, estarão patentes até o dia 21 de Novembro na União Nacional de Artistas Plásticos (UNAP), em Luanda.

  • 24/10/2019 18:18:20

    UNAP celebra 42 anos com exposição

    Luanda - Trinta obras de três artistas plásticos angolanos estarão patentes, de 25 de Outubro a 20 de Novembro deste ano, na União Nacional de Artistas Plásticos (UNAP), em Luanda, em alusão aos 42 anos de existência desta agremiação cultura.

  • 24/10/2019 17:52:11

    Grupo teatral Amor a Arte realiza palestras

    Luanda - A directora do grupo teatral Amor a Arte, Mariza Francisco Júlio, realiza nos dias 27 e 29 de outubro, palestras sob o tema ? Nem só de beijos e abraços sobrevive o lar ?na Igreja Católica, no distrito do Golf 1, Kilamba Kiaxi, e no Centro Cultural Português, Ingombota.