Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

24 Agosto de 2019 | 12h09 - Actualizado em 24 Agosto de 2019 | 12h05

Presidente angolano parte domingo para o Japão

Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, parte domingo, 25, para o Japão, para participar na 7ª Conferência Internacional de Tóquio Sobre o Desenvolvimento de África (TICAD7), a decorrer de 28 a 30, em Yokohama.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Presidente da República, João Lourenço, parte domingo para o Japão

Foto: SACII

Segundo uma nota de imprensa da Casa Civil do Presidente da República, está agendada para quarta-feira, primeiro dia dos trabalhos da conferência, uma intervenção de João Lourenço no painel denominado “Acelerar a Transformação Económica e Melhorar o Ambiente de Negócios Através da Inovação e Envolvimento do Sector Privado”.

No plano diplomático, o Chefe de Estado angolano tem previsto um encontro, à margem do evento, com o Primeiro-Ministro do Japão, Shinzo Abe, na tarde de quinta-feira.

No último dia da missão, João Lourenço participará, com outros convidados, num “Chá da Tarde”, oferecido pelo Imperador do Japão, Majestade Naruhito, no Palácio Imperial, em Tóquio.

A delegação será integrada pelos ministros das Relações Exteriores, das Finanças, da Economia e Planeamento, da Saúde, da Energia e Águas e dos Transportes, que participarão em diversos eventos relacionados com os seus pelouros, no âmbito da TICAD7.

A TICAD é um fórum multilateral, inclusivo e aberto, lançado pelo Governo Japonês, em 1993, do qual participam países e instituições africanas, bem como organizações internacionais de desenvolvimento, do sector privado e da sociedade civil.

A edição deste ano está a ser organizada e presidida pelo Governo do Japão, pela Organização das Nações Unidas, pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Banco Mundial e pelos próprios países africanos.

O fórum tem por objectivo promover um diálogo político de alto nível entre os líderes africanos e parceiros internacionais, com vista a mobilizar apoios para as iniciativas de desenvolvimento económico, da paz e segurança, com maior apropriação africana.

Leia também