Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

30 Agosto de 2019 | 22h14 - Actualizado em 30 Agosto de 2019 | 22h22

Defendida atenção especial aos especialistas em engenharia das FAA

Huambo - As Forças Armadas Angolanas (FAA) recomendaram hoje, sexta-feira, no Huambo, uma especial atenção no processo de selecção de jovens para a comunidade castrense, com realce para a especialidade de engenharia e infra-estruturas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Esta recomendação faz parte do comunicado final da 24ª reunião metodológica dos especialistas dos órgãos de engenharia e infra-estruturas das FAA, aberta quarta-feira, no quartel-general da Região Militar Centro, que abrange ainda as províncias do Benguela, Bié e Cuanza sul.

Segundo os oficias generais e superiores, este processo deve ser encarado com muito cuidado, pois que nenhuma organização ou Nação é capaz de desenvolver se não tiver o homem como ponto fulcral, daí a razão de aperfeiçoar e superar, de forma permanente, os conhecimentos em várias áreas, tal como a preparação combativa, operativa e educativo-patriótica.

Ao discursar no encerramento, o vice-governador da província do Huambo para os serviços Técnicos e Infra-estruturas, Leonardo Sapalo, realçou a importância da formação do efectivo militar, através da introdução de novas tecnologias na engenharia castrense e o intercâmbio científico, na garantia da soberania nacional.

O evento, que reuniu especialistas chefes de repartição de engenharia e infra-estruturas do Comando do Exército, da Casa de Segurança do Presidente da República, das unidades, estabelecimentos, do I e II Corpos do Exército, como das seis zonas militares (Cabinda, Centro, Leste, Luanda, Norte e Sul), abordou as novas estratégias de actuação no ramo da engenharia e infra-estrutura militar, tendo em conta os desafios actuais.

Também esta sexta-feira, na província do Huambo, teve lugar o encerramento das II jornadas técnico-científicas dos Oficias de Justiça de Angola, que da mesma forma recomendou a capacitação permanente dos recursos humanos, do ponto de vista técnico para prestação de um serviço público de qualidade.

Sob o lema “Repensar o atendimento ao público, para melhor servir”, os 216 participantes das 18 províncias do país, orientaram ainda a colocação dos serviços de justiça mais próximos da comunidade, começado pela massificação e expansão do sub-programa “nascer com registo” em todas as maternidades do país.

Durante o evento, aberto esta manhã, numa iniciativa do Sindicato dos Oficiais de Justiça de Angola (SOJA), foram abordados temas ligados ao Novo Código Penal Angolano, Desafios do sector dos Registos e Notariados, Reforma do Cofre Geral da Justiça e Perspectivas, Ética e Deontologia Profissional e o Atendimento ao Público.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 29/08/2019 19:34:36

    Comarca do Cambiote reforça estratégia sobre direitos humanos

    Huambo - O estabelecimento prisional do Cambiote, arredores da cidade do Huambo, reforçou as estratégias de protecção dos direitos humanos das reclusas, ao capacitar, neste domínio, 33 agentes prisionais do bloco feminino da unidade penitenciária, numa acção formativa realizada em parceira com a Associação Justiça, Paz e Democracia (AJPD).

  • 28/08/2019 12:46:58

    General destaca papel da engenharia militar no apoio às comunidades

    Huambo - O comandante da Região Militar Centro (RMC), tendente-general Dinis Segunda Lucama, destacou hoje, quarta-feira, a importância da engenharia militar na criação de estratégias para o reforço das competências defensivias e ofensivas, bem como na resolução dos problemas sociais, com a construção de infra-estruturas indispensaveis ao desenvolvimento do país.

  • 27/08/2019 19:44:37

    Magistrado exorta celeridade processual na administração da justiça

    Huambo - O juiz presidente em exercício do Tribunal provincial do Huambo, Ângelo Vilinga Catumbela, exigiu hoje, terça-feira, uma maior celeridade no tratamento processual das questões que afligem os cidadão, com o objectivo de tornar a justiça mais próxima da comunidade.