Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

03 Abril de 2020 | 14h37 - Actualizado em 03 Abril de 2020 | 14h36

CASA-CE pede moderação à Polícia Nacional

Luanda - O presidente da Convergência Ampla de Salvação de Angola - Coligação Eleitoral (CASA-CE), André Mendes de Carvalho, solicita moderação à Polícia Nacional no cumprimento das medidas previstas no Estado de Emergência em vigor no país desde o dia 27 de Março último.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Presidente da CASA-CE, André Mendes de Carvalho (arquivo)

Foto: António Escrivão

O líder da terceira força política em Angola fez este pronunciamento durante uma conferência de imprensa do seu partido sobre o estado da Nação, no âmbito do oitavo aniversário da CASA-CE, que hoje se comemora.

Na ocasião, o responsável salientou que para a CASA-CE os meios empregues para impor a lei devem ser proporcionais ao nível de infracções cometidas, evitando-se promover o medo na população, já assustada com a pandemia que afecta Angola e o mundo.

"Apoiamos a declaração do Estado de Emergência em Angola, mas reiteramos a necessidade urgente de o governo encontrar uma solução para o problema dos cidadãos obrigados a permanecerem em casa, sem condições alimentares de sobrevivência, visto que ganham diariamente na rua o jantar de cada dia", acrescentou.

André Mendes de Carvalho frisou que não se pode fingir que o problema não existe, mas há que buscar medidas que estimulem as pessoas a permanecem em casa.

Nos últimos tempos tem havido relatos de alguns excessos na actuação de agentes das forças de defesa e segurança, com realce para o facto que culminou na condenação de dois militares na província de Cabinda.

No que tem a ver com os profissionais de saúde, defendeu o fornecimento de meios de protecção individual a todos hospitais e centros médicos e não apenas aos de referência, porque é nos Bancos de Urgências, Salas de Consultas e enfermarias dos hospitais públicos de grande e médio porte, que acontecem os primeiros contactos entre o pessoal da saúde eas pessoas contaminadas.

O político encorajou todos os que se encontram na linha da frente no combate à pandemia, como o pessoal de saúde, bombeiros e órgãos de segurança, que actuam com profissionalismo nos termos da lei.

A CASA-CE foi criada a 3 de Abril de 2012, em Luanda, quatro meses antes das eleições gerais do mesmo ano no país.
 

Assuntos Política  

Leia também
  • 27/03/2020 19:06:39

    Executivo reduz ministérios de 28 para 21

    Luanda - O Executivo angolano, reunido esta sexta-feira em sessão do Conselho de Ministros, reduziu de 28 para 21 os ministérios que integram o Governo do país.

  • 27/03/2020 18:33:15

    Executivo aprova medidas no sector das pescas

    Luanda - O Conselho de Ministros aprovou esta sexta-feira, em Luanda, medidas de Gestão das Pescarias Marinhas, da Pesca Continental, da Aquicultura e do Sal para o ano de 2020.

  • 27/03/2020 17:12:40

    Medicamentos para COVID-19 terão preços vigiados

    Luanda - Os bens médico-medicamentosos para a prevenção e tratamento da COVID-19, no país, estão sujeitos ao regime de preços vigiados, refere o comunicado de imprensa da sessão desta sexta-feira do Conselho de Ministros.