Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

13 Julho de 2020 | 11h51 - Actualizado em 13 Julho de 2020 | 13h28

MPLA no Huambo avalia acções no quadro PIIM

Huambo - O estado de execução das acções do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM) está a ser apreciado hoje, segunda-feira, pelos membros do Comité Provincial do MPLA na província do Huambo, tendo em conta a mudança de paradigma que se pretende na administração pública.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Membros do Comité Provincial do MPLA presentes na VIII Sessão Plenária

Foto: Júlio Vilinga

Lotti Nolika, primeira-secretária provincial em exercício do MPLA no Huambo

Foto: Júlio Vilinga

Lançado em Agosto de 2019, pelo Presidente da República, João Lourenço, o PIIM congrega necessidades e iniciativas dos municípios, ajustadas às prioridades locais e aos anseios da população.

A execução deste plano, em análise no VII Sessão Plenária e Ordinária do Comité Provincial do Huambo, decorre sob presidência da sua primeira-secretária em exercício, Lotti Nolika.

Para além do PIIM, os participantes do evento, que visa preparar e organizar a IX Conferência Provincial Extraordinária, para a eleição da nova secretária local, em substituição de Joana Lina, actual governadora de Luanda, estão a analisar o relatório de actividades da comissão multissectorial de prevenção e combate à Covid-19, assim como as condições criadas para o possível reinício das aulas.

Ao intervir na abertura da sessão, a primeira-secretaria em exercício do MPLA no planalto central, Lotti Nolika, destacou que o evento se realiza num momento em que a Covid-19 vai, pela sua letalidade, ceifando muitas vidas humanas, daí a razão de terem adiado várias actividades previstas.

Segundo a também governadora da província, apesar da situação, sublinham-se algumas mudanças de ajustamento que, a ser operado no aparelho governativo, irá conferir mais dinâmica no trabalho de mobilização política e na resolução gradual dos problemas que a população do Huambo ainda enfrenta.  

Com término previsto para hoje, segunda-feira, os participantes vão analisar ainda o relatório de balanço das actividades desenvolvidas durante o primeiro semestre e perspectivar outras para igual período, assim como o plano operacional de intervenção das vias secundárias e terciárias.

Nas últimas eleições de 23 de Agosto de 2017, O MPLA venceu, nesta região, com 347 mil e 763 votos, elegendo três deputados dos cinco determinados por cada círculo eleitoral, designadamente João Baptista Kussumua, Armando Capunda e Bibiana Nandombwa.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também