Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

30 Setembro de 2020 | 19h14 - Actualizado em 30 Setembro de 2020 | 20h07

Angola, Rússia e Arábia Saudita analisam cooperação bilateral

Luanda - O embaixador angolano na Zâmbia, Azevedo Francisco, analisou, nesta quarta-feira, em Lusaka, a cooperação entre Angola, Rússia e Arábia Saudita, durante um encontro com os diplomatas dos dois países.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Com os diplomatas Russo, Alexander Boldyrev, e Saudita, Hassan Rashid Attar, respectivamente, Azevedo Francisco passou em revista o momento actual, marcado pelos efeitos globais da pandemia da Covid-19.

Alexander Boldyrev aproveitou a ocasião para informar o diplomata angolano sobre o crescente interesse mundial com relação a aquisição da vacina contra a Covid-19, recentemente apresentado ao mundo pelo seu país.

Já o embaixador da Arábia Saudita, Hassan Rashid Attar, manifestou o desejo de estreitar as relações com Angola, em vários domínios.

Hassan Attar informou ainda da pretensão do seu Governo em enviar para Angola o ministro dos Negócios Estrangeiros para, in loco, abordar, com as autoridades angolanas, as melhores formas incrementar a cooperação bilateral.

Cooperação Angola/Rússia

Angola e a Rússia têm relações privilegiadas desde 8 de Outubro de 1976, data em que foi assinado, em Moscovo, na altura capital da antiga URSS, o Tratado de Amizade e Cooperação.

Angola, com a proclamação da independência nacional, a 11 de Novembro de 1975, guiou-se pelos ideais do socialismo, até à adopção do multi-partidarismo, em 1991.

A 16 de Novembro de 2004, os dois países rubricam, em Luanda, um acordo para o relançamento da cooperação nos domínios económico, técnico-científico e, no dia seguinte, criaram a comissão intergovernamental de cooperação económica, técnico-científica e comercial.

As autoridades angolanas estimam que vivam actualmente em Angola mil russos, enquanto mil 500 angolanos residam na Rússia.

A Rússia faz parte de um grupo de 61 países abrangidos pelos procedimentos de simplificação de actos administrativos para a concessão de vistos de turismo.

Em 2019, os dois países rubricaram sete novos protocolos de cooperação.

Actualmente, a cooperação é mais significativa nos sectores da energia, geologia e minas, ensino superior, formação de quadros, defesa e segurança, telecomunicações e tecnologias de informação, pescas, transportes, finanças e banca.

Cooperação Angola/Arábia Saudita

Acordo Geral de Cooperação Económica, Técnica e Cultural entre a República de Angola e a Arábia Saudita, protocolo renovável em cinco anos.

Os dois países têm interesse comum em áreas como a agro-indústria, agricultura, pescas, petróleos e gás.

Assuntos Angola  

Leia também