Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

22 Maio de 2020 | 16h50 - Actualizado em 22 Maio de 2020 | 17h35

Covid-19: Lunda Sul recebe material de biossegurança

Saurimo - O Ministério da Saúde (MINSA) procedeu, nesta sexta-feira, a entrega de um lote de meios à província da Lunda Sul, no âmbito do programa de prevenção e combate à covid-19.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Do lote, cuja entrega coube ao secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, constam 200 mil máscaras faciais, igual número de luvas, 80 termómetros de infra-vermelho, 500 zaragatoas e mil fatos de biossegurança, entre outros materiais.

Conta ainda com reagentes para o aparelho Genexpert (câmara laminar), estrutura que ajuda na preparação das amostras, apesar de ainda não disporem dos cartuxos.

O aparelho de Genexpert tem capacidade para realizar 10 testes em duas horas, tendo garantido que dentro de 10 dias as províncias da Lunda Sul, Cabinda, Huambo, Benguela e Huíla darão início a testagem à covid-19.

Anunciou que a comissão multissectorial prevê, a médio prazo, na Lunda Sul, a colocação de um aparelho com maior capacidade de testagem para atender o Leste do país.

Recolha de amostras

Ainda hoje foram recolhidas 300 amostras para serem testadas contra a covid-19 no Instituto Nacional de Investigação em Saúde (INIS), em Luanda.

Entre as amostras colhidas consta a dos oito cidadãos que se encontram em quarentena institucional em Saurimo, que violaram a cerca sanitária na capital do país, e de oito pessoas provenientes de Portugal a 19 de Março do ano em curso.

As demais amostras são de pacientes com síndrome respiratória aguda internados nas unidades hospitalares locais.

Fronteiras

O governador da Lunda Sul, Daniel Neto, garantiu que o Leste da província foi reforçado com efectivos da ordem pública, com vista a impedir a entrada de estrangeiros, atendendo o registo de casos comunitários na República Democrática do Congo (RDC), que partilha a fronteira através da comuna do Chiluange.

Enalteceu os esforços do Executivo na distribuição de material de biossegurança em todo país.

A Lunda Sul dispõe de 327 camas, das quais 28 ventiladas, 226 profissionais, entre enfermeiros licenciados, técnicos médios, médicos militares, civis e estrangeiros, para garantir o funcionamento das unidades sanitárias.

Leia também
  • 20/05/2020 18:45:15

    Covid-19: População aconselhada a redobrar medidas

    Saurimo - O coordenador adjunto da comissão multissectorial de resposta à covid-19 na Lunda Sul, Viegas de Almeida, aconselhou hoje, quarta-feira, a população a redobrar as medidas contra a pandemia nesta época de cacimbo, em função da frequência das doenças respiratórias.

  • 17/05/2020 12:56:50

    COVID-19: Lunda Sul aguarda por cartuxos para testes laboratoriais

    Saurimo - A província da Lunda Sul espera apenas pelos cartuxos do aparelho de germe-xpert para o inicio da colecta de amostras dos cidadãos vindos de Portugal no dia 19 de Março.

  • 14/05/2020 11:16:44

    Hipertensão arterial mata 21 pessoas na Lunda Sul

    Saurimo - Vinte e uma pessoas morrerem de hipertensão arterial, de Janeiro a Abril deste ano, no Hospital Geral da Lunda Sul, informou hoje (quinta-feira), em Saurimo, o director clínico da unidade sanitária, Nelson Capele.